Comportamento

Livro derruba mitos populares da psicologia

ROSANA FERREIRA
Editora-assistente de UOL Estilo Comportamento

11/09/2010 07h00

“Os gordinhos são pessoas mais alegres”, “Contar carneirinhos ajuda a adormecer”, “Desenhos dizem muito sobre a personalidade”, “Antidepressivos transformam as pessoas em zumbis”. Provavelmente você já deve ter ouvido algumas dessas frases – senão todas. No entanto, o livro “Os 50 Maiores Mitos Populares da Psicologia – Derrubando famosos equívocos sobre o comportamento humano” (Editora Gente), joga um balde de água fria sobre essas concepções construídas ao longo dos anos. Trata-se do mundo da psicomitologia, segundo os autores Scott O. Lilienfeld, Steven Jay Lynn, Jonh Ruscio e Barry L. Beyerstein, que citam pesquisas – ou a ausência delas - para questionar as crenças populares. 

Clique aqui e veja aqui 15 mitos populares da psicologia

Se você acredita nesses e outro mitos, não é preciso sentir-se envergonhado. Saiba que você não está só. Segundo os autores, pesquisas mostram que a maioria da população geral, bem como alunos iniciantes de psicologia, acredita também. Calma, é natural. Antes de se sentir inseguro em relação aos seus conhecimentos sobre psicologia, saiba que o filósofo grego Aristóteles (384-322 a.C.), considerado uma das pessoas mais inteligentes, acreditava que a origem das emoções se dava no coração, e não no cérebro, e que as mulheres eram menos inteligentes que os homens. Portanto, ter uma grande inteligência não é uma vacina contra a crença na psicomitologia.


 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
do UOL
UOL Estilo
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Redação
Redação
Redação
UOL Estilo
Redação
Comportamento
BBC
Redação
Comportamento
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Topo