Comportamento

Mulheres Ricas: veja dez lições para aprender e dez para esquecer

Divulgação
Da esquerda para a direita, as participantes do "Mulheres Ricas": Val Marchiori, Lydia Sayeg, Débora Rodrigues, Brunete Fraccaroli e Narcisa Tamborindeguy imagem: Divulgação

Heloísa Noronha

Do UOL, em São Paulo

Assim como a maioria dos reality shows, há os que amam e os que odeiam "Mulheres Ricas". O programa vai ao ar todas as segundas-feiras, às 22h15, e, para quem não conhece, mostra o cotidiano de cinco mulheres brasileiras consideradas ricas pela Band: Val Marchiori, Lydia Sayeg, Brunete Fraccaroli, Débora Rodrigues e Narcisa Tamborindeguy (veja perfis). Joias exuberantes, roupas caríssimas, carros de luxo, mansões, viagens e, principalmente, muito champanhe e compras compõem o repertório da atração --que mostra, também, exageros, picuinhas, cafonices, vexames das participantes e muito merchandising.

Seja você do time do contra ou torça a favor das socialites, o fato é que o programa, além de entreter, também pode ensinar. Duvida? UOL Comportamento conversou com especialistas e listou bons e maus exemplos mostrados por "Mulheres Ricas". Confira:

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 
Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Topo