Comportamento

No Brasil, pensão para ex-marido não é comum e tem prazo para acabar

AFP
Morena está grávida de cinco meses do atual parceiro, Ben McKenzie Imagem: AFP

Do UOL, em São Paulo

24/11/2015 17h13


Nesta segunda-feira (23), o site americano "TMZ" noticiou que a atriz brasileira Morena Baccarin, das séries "Homeland" e "Gotham", terá de pagar US$ 23 mil (cerca de R$ 85 mil) por mês de pensão ao ex-marido, em suporte matrimonial e ao filho do casal. O episódio foi noticiado na imprensa nacional com um certo tom de estranheza por ser uma mulher a responsável por pagar a pensão, mas poderia perfeitamente acontecer no Brasil.

De acordo com Gustavo Kloh, professor de Direito da FGV (Fundação Getúlio Vargas) do Rio de Janeiro, na lei de divórcio dos Estados Unidos, a culpa pela separação é levada em consideração na hora de definir uma ação. Sendo assim, como Austin Chick argumenta que Morena iniciou seu atual relacionamento amoroso --com Ben McKenzie, astro de “Gotham”-- estando casada com ele, é a responsável pelo fim da união, portanto.

"Apesar de o direito de família nos Estados Unidos ser estadual --ou seja, variar de acordo com a região--, os procedimentos de divórcio foram uniformizados há poucos anos e a culpa tem papel crucial no processo", declara Kloh.

O professor diz ainda que no Brasil é raro uma mulher ter de pagar pensão ao ex-cônjuge porque, na maioria das vezes, é ela quem deixa de trabalhar pela família, ou tem condição financeira inferior. Porém, a lei trata igualmente os gêneros e é possível ter no cenário brasileiro o que aconteceu com Morena Bacarin, exceto pelo argumento de responsabilidade, que não é aceito aqui.

"Dificilmente, uma pessoa adulta recebe pensão, pois quem tem o direito legítimo são os filhos, mas pode acontecer. Não existe um valor definido pela lei, mas o auxílio para o 'ex' gira em torno de 10% a 15% da renda mensal. Além disso, essa despesa tem prazo para acabar, o que geralmente é estabelecido estimando um tempo para o auxiliado se reestabelecer", esclarece.

Sobre o valor da pensão de Chick --teoricamente exorbitante--, o advogado esclarece ainda que a pensão é fixada de acordo com a realidade financeira de ambas as partes. "Chick é produtor de Hollywood, mas não sabemos quanto ganha, se está empregado nem quanto ela recebe como atriz para entender se, de fato, trata-se de um número alto", afirma Kloh.

Morena e Chick são pais de Julius, 2 anos, de quem disputam a guarda.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Redação
BBC
Redação
UOL Especiais
Redação
Redação
Comportamento
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
BBC
Comportamento
UOL Estilo
UOL Estilo
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
UOL Estilo
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Comportamento
UOL Estilo
Blog da Morango
UOL Estilo
UOL Estilo
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
AFP
Blog da Morango
Redação
Comportamento
Redação
Redação
Comportamento
Erratas
Redação
Blog da Morango
Topo