Comportamento

Apoiada por Paolla Oliveira, lutadora vai ensinar defesa pessoal a mulheres

Arquivo Pessoal
A lutadora Érica Paes treinando a atriz Paolla Oliveira, para a novela "A Força do Querer" Imagem: Arquivo Pessoal

Adriana Nogueira

Do UOL

Paolla Oliveira será a madrinha da campanha “Eu Sei me Defender”, criada pela lutadora de MMA e faixa preta em jiu-jítsu Érica Paes. A ação consiste em ensinar gratuitamente técnicas de defesa pessoal para mulheres. No Rio de Janeiro, a iniciativa começará em fevereiro, em parceria com a Polícia Civil. A atleta –que desde 2016 tem trabalho semelhante em Belém do Pará, seu Estado natal— negocia para estender a ideia para as cidades de São Paulo e Manaus.

Érica ganhou o apoio de Paolla ao começar a treiná-la para o papel de Jeiza, a policial que sonha em ser lutadora de MMA da novela “A Força do Querer” (Globo), prevista para estrear em abril.

“Era um sonho antigo meu”, fala Érica, que começou no jiu-jítsu aos 12 anos para se defender do irmão mais velho, que já fazia artes marciais e “praticava” os golpes nela. “Meu pai era machista. Achava que as filhas tinham de fazer balé, mas eu fui lutar.”

Arquivo Pessoal
Imagem: Arquivo Pessoal


A atleta conta que ter sofrido duas tentativas de estupro e uma de agressão pelo ex-marido a fizeram ter a certeza de que era importante difundir o que aprendeu lutando.

“A primeira tentativa de estupro foi aos 15 anos, projetei o corpo do cara para a frente, fraturei o braço dele e apliquei um mata-leão, fazendo com que ele desmaiasse. A segunda foi há uns três anos, às 11h, saindo da escola do meu filho [Renzo Paes, ator e lutador], na Barra da Tijuca [Rio de Janeiro]. Joguei o sujeito de cabeça no asfalto. Com o meu ex-marido, que também lutava, o que era para ser uma agressão covarde, virou uma briga grande, por conta do meu conhecimento.”

Arquivo Pessoal
Érica com a prima, a atriz Dira Paes Imagem: Arquivo Pessoal
Érica explica que o treinamento que dá gratuitamente consiste em ensinar poucas técnicas de defesa pessoal com muitas repetições. “Assim fica automático para a mulher quando ela se vê em uma situação de agressão. E qualquer mulher é capaz de usá-las, não importa o tamanho do agressor. Tenho uma aluna de 59 anos que, depois de 40 anos sendo agredida pelo ex-marido, conseguiu, enfim, se defender dele.”

Além de Paolla Oliveira, outras famosas também ajudarão a difundir a campanha, como a atriz Dira Paes –que é prima de Érica--, a cantora Fafá de Belém e a Miss Brasil Raíssa Santana.

Fora o trabalho de preparação com Paolla Oliveira para a novela “A Força do Querer”, Érica Paes também participará da trama. “Vou interpretar eu mesma e serei uma amiga da personagem da Paolla.”

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
do UOL
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Redação
Comportamento
UOL Estilo
Redação
do UOL
Redação
UOL Estilo
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Comportamento
BBC
BBC
Topo