Comportamento

Americano defende uso de "gloss vaginal" para controlar fluxo menstrual

Getty Images
Menstruação Imagem: Getty Images

Do UOL

22/02/2017 09h50

Um quiroprata de Wichita (EUA) está gerando polêmica com uma de suas criações voltadas para mulheres. “Doutor, inventor, inovador, homem de negócios”, como Don Dopps se descreve no Twitter,  o CEO da Mensez Technologies inventou uma espécie de gloss para controlar o fluxo menstrual das mulheres.

Dopps defende que um “batom” composto por aminoácidos e óleo aplicado nos lábios vaginais durante a menstruação poderia livrar as mulheres de fluxos intensos e vazamentos de sangue, típicos do período.

A proposta causou revolta entre mulheres, que sabem que a sensação de ter gloss nos lábios da boca não é das mais agradáveis, quanto mais nos da vagina - na campanha do produto, a empresa diz que é "divertida". Por enquanto, o site da invenção está fora do ar e teria sido “hackeado”, segundo seu criador. A propaganda está disponível em posts com prints de uma das muitas mulheres que se revoltaram contra o doutor.

 

"Novo conceito"

Em entrevista à revista “Forbes” nesta segunda-feira, Dopps afirma que não vai comercializar o produto e espera propostas de grandes empresas para que ele esteja disponível no mercado. “Estou apensas apresentando o conceito”, disse.

Divulgação
Doutor Don Dopps Imagem: Divulgação

Apesar de todo o barulho que causou, o produto não chegou nem à fase de testes, segundo o próprio CEO afirma. “Vocês mulheres deveriam ter chegado a uma melhor solução que absorventes internos e externos, mas não chegaram. Mulheres tendem a ser mais criativas que os homens, mas a menstruação mexe com suas cabeças”, disse.

Em relação às críticas, Dopps afirma que elas vêm principalmente de lésbicas, “que estão furiosas porque eu sou um homem hétero e branco”.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
do UOL
UOL Estilo
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Redação
Redação
Redação
UOL Estilo
Redação
Comportamento
BBC
Redação
Comportamento
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Topo