Vida no trabalho

Seu vizinho de mesa pode aumentar ou detonar produtividade no trabalho

Getty Images
Imagem: Getty Images

Do UOL

02/03/2017 11h08

No trabalho, você se senta ao lado de colegas que trabalham duro ou dos procrastinadores? Segundo um estudo da empresa de recutamento Cornerstone OnDemand, divulgado pela Harvard Business Review, esta é uma das perguntas-chave para conquistar mais produtividade.

A pesquisa aponta que o lugar onde os funcionários sentam e o agrupamento correto de cada perfil pode aumentar a qualidade e a quantidade do trabalho em uma empresa.

Como o estudo foi feito
O estudo analisou dados de dois anos de trabalho de 2 mil empregados de uma empresa de tecnologia com unidades nos Estados Unidos e Europa. Datas de contratação e demissão, posição hierárquica e chefes também foram levados em conta para traçar o perfil de cada um dos funcionários.

O ambiente de trabalho foi analisado através de duas enquetes, relatórios mensais da localização de cada empregado, além de mapas das mesas e cubículos.

A performance de cada funcionário foi calculada por três métricas: produtividade (calculada pela quantidade de tempo para realizar uma determinada tarefa), eficiência (medida pela média de vezes em que o funcionário precisou pedir ajuda de outro colega para realizar um trabalho) e qualidade (levantada pela satisfação do cliente numa escala de 1 a 5).

Resultados surpreendentes
Cruzando todos os dados, foi calculado o impacto na performance de colegas sentados a 7 e 15 metros de distância. E o resultado foi surpreendente. Através de técnicas de recursos humanos, a proximidade com um colega duas vezes mais produtivo que a média melhora a performance de seus vizinhos de mesa em 10%.

Segundo os estudiosos, mais do que aprender um com os outros, os funcionários se influenciam por uma combinação de inspiração e pressão de sentar ao lado de empregados de alta produtividade.

Outra importante conclusão do estudo é que um escritório em que pessoas de perfis complementares estejam perto também funciona melhor. Funcionários rápidos, mas menos cautelosos, sentados ao lado de outros com o perfil exatamente oposto aumentam a produtividade geral em 13% e a eficiência em 17%.

Outro lado
Empregados com comportamentos considerados tóxicos - como violência, abuso de drogas e álcool, assédio sexual, fraude ou violação a políticas da empresa – têm impacto bem negativo, diminuindo em 27% a produtividade dos colegas próximos, ainda que estes sejam exemplares.

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Comportamento
BBC
Redação
BBC
BBC
do UOL
Redação
UOL Estilo
Redação
Redação
Redação
Folha de S.Paulo
Redação
Redação
Redação
BBC
BBC
Redação
Redação
UOL Estilo
do UOL
Comportamento
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Plano de Carreira - Daniela Lago
Escolha Sua Vida
Redação
Redação
BBC
Redação
Escolha Sua Vida
Comportamento
Redação
Redação
Redação
BBC
Comportamento
Topo