Sexo

"Vibrador espião" faz empresa pagar US$ 3 milhões a consumidores

Divulgação
O vibrador We-Vibe 4 Plus funciona por meio de Bluetooth, tecnologia de comunicação sem fio Imagem: Divulgação

Do UOL

15/03/2017 09h07

A empresa canadense Standard Innovation, responsável pela fabricação do vibrador We-Vibe 4 Plus, foi condenada a pagar US$ 3 milhões (R$ 9,5 milhões) para um grupo de consumidores por coletar sem consentimento informações sobre seus hábitos sexuais, segundo reportagem publicada pelo site “Fortune”.

A ação coletiva foi proposta em Illinois, Chicago, nos Estados Unidos, em setembro de 2016, e o resultado saiu em 9 de março. A Standard Innovation terá de pagar US$ 7.400 para cada consumidor que utilizou o brinquedo erótico e US$ 148 para cada um que adquiriu o acessório, mas não usou.

O We-Vibe –que pode ser adquirido no Brasil— funciona via  Bluetooth (tecnologia de comunicação sem fio que permite troca de dados entre dispositivos, por meio de ondas de rádio). O que ocorria com o vibrador é que, cada vez que alguém o ligava, a empresa canadense coletava informações sobre frequência de uso, tempo de utilização, temperatura atingida pelo aparelho e modo vibratório escolhido. Além disso, descobriu-se que o acessório é vulnerável a ser invadido por hackers.

Um porta-voz da empresa canadense comentou para a "Fortune" o resultado da ação. "Estamos satisfeitos por termos chegado a um acordo justo e razoável nessa questão. Levamos a sério a privacidade do cliente e a segurança de dados."

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Blog da Regina
Redação
Blog Deu Match
Redação
Redação
Blog da Regina
Blog Deu Match
Redação
Redação
Redação
Blog Deu Match
Redação
Mayumi Sato
BBC
Redação
Redação
Redação
EFE
do UOL
Redação
Redação
Redação
do UOL
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
do UOL
Mayumi Sato
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Mayumi Sato
Redação
do UOL
Mayumi Sato
Redação
Redação
Redação
Redação
Topo