Relacionamento

Com medo de se jogar em um novo amor, Zilu? 4 conselhos para você

Reprodução/Instagram
Zilu Godoi contou ao apresentador Gugu que está interessada em um cantor sertanejo Imagem: Reprodução/Instagram

Adriana Nogueira

Do UOL

08/06/2017 15h43

Em entrevista ao apresentador Gugu Liberato, Zilu Godoi disse estar interessada em um cantor sertanejo, mas não se sentir pronta para um novo relacionamento, mesmo cinco anos após se separar de Zezé Di Camargo. Dificuldade para retomar a vida amorosa é um problema bastante comum entre pessoas que terminaram relacionamentos longos, como o casamento de 30 anos que ela viveu.

Para Margareth dos Reis, psicóloga, terapeuta sexual e mestre em ciências pela USP (Universidade de São Paulo), é natural e saudável esperar um tempo após o término para voltar a se envolver com alguém.

“O indivíduo precisa de um intervalo para se reconhecer inteiro antes de iniciar outra história. Para recuperar a energia que investiu e separar o que era dele e o que ficou misturado com a outra pessoa”, fala Margareth. Qual seria o tempo ideal para esperar? A especialista afirma que não há uma medida padrão. Vai depender de cada um.

Esse “respiro” serve não só para que a pessoa redescubra o que gosta e o que não gosta, mas também para que avalie o que levou ao fim do relacionamento.

“Costumo dizer que não há um culpado pelo fim, que cada um tem de assumir a sua responsabilidade”, diz Margareth.

A seguir, veja conselhos da terapeuta para seguir em frente.

1 – Deixe de lado o medo

É natural ter receio de repetir o que não deu certo na história anterior, mas coloque na cabeça que há sempre vida após um rompimento. Se sozinho não estiver conseguindo deixar a roda girar, um terapeuta pode ajudar nesse processo.

2 – Não seja negativo

Decidiu partir para outra e está interessado em alguém? Vença os pensamentos negativos. Ficar valorizando as diferenças que existem entre vocês ou já entrar achando que a história não dará certo por isso ou aquilo é caminho certo para que o relacionamento naufrague. “A antevisão negativa só faz com que a gente confirme as fantasias ruins que criamos”, diz Margareth.

3 – Livre-se de padrões

Às vezes, as pessoas estão tão viciadas na forma de se relacionar amorosamente que nem percebem que ficam repetindo padrões. “Autoconhecimento é tudo”, afirma Margareth.

4 – Não queira repetir o que viveu

O que acabou não volta, por isso, ao começar um relacionamento, não tenha expectativas de viver um amor como o que tinha antes. Existem muitas formas de se relacionar e a atual poderá ser boa ou ruim, mas, com certeza, será diferente. “Não há como ter garantia de nada, mas é sempre uma chance de experimentar”, fala a terapeuta sexual.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Redação
Redação
Redação
Redação
do UOL
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
UOL Estilo
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
do UOL
Redação
Redação
BBC
Redação
UOL Estilo
Comportamento
Comportamento
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Topo