Comportamento

Como lidar com os amigos que não dividem a conta de maneira justa

Getty Images
Imagem: Getty Images

Gabriela Guimarães e Veridiana Mercatelli

Colaboração para o UOL

07/10/2017 04h00

Ninguém vai ficar contando quantas batatinhas comeu ao compartilhar uma porção, mas é preciso bom senso de todo mundo ao dividir a conta. Não são raras as vezes que nos vemos obrigados a pagar bem mais do que comemos e bebemos - até quem não bebe já se viu rateando os litros de chope da mesa. Quando a grana sobra e você não se importa com isso, ok. O problema é que, em tempos de crise, nem sempre dá para ser mão aberta e pagar pela diversão da turma. Para não levantar da mesa irritado, alguns truques podem ajudar.

Diga: “Hoje só tenho grana para dois chopes”

Ou só duas águas. Com essas frases, não dá para dizer que você não avisou que pagaria somente pelo o que consumiu. E ninguém deve ficar chateado ao ouvir, a não ser que você saia dando bicadas nas bebidas dos outros.

Já sugira um local com comandas individuais

Quando começarem as primeiras combinações de saída, no grupo do WhatsApp, pesquise uns bares, pizzarias ou restaurantes legais, que entreguem comandas para cada pessoa ou para cada casal. Sugira antes mesmo de fecharam uma data boa para todos.

Diga: “Quanto ficou a minha parte?”

Se o garçom der a conta na sua mão, é mais fácil calcular e já dizer quanto ficou o seu consumo e passar a conta para a pessoa do lado. Agora, se a conta for parar em mãos alheias, vale perguntar em voz alta o valor do seu gasto – lembrando de adicionar os 10% do serviço.

Leve sua parte em dinheiro

É uma forma de não ter que passar uma quantia muito além do que você gastou, no cartão de crédito. Mas tome o cuidado de, antes de começar a fazer os pedidos, olhar os preços no cardápio (e considerar o adicional de serviço) para não ter que pedir dinheiro emprestado.

Saia um pouco mais cedo

Se perceber que os pedidos da mesa estão saindo do controle e você, provavelmente, vai ficar no prejuízo, ir embora antes de todo mundo pode ser a única alternativa para pagar um valor justo - de repente, até deixar um pouquinho a mais.  Ao sair, diga que acertou a sua parte e entregue o comprovante para alguém.

Pagar 5 reais a mais não é o fim do mundo

Claro, isso quando você tem esse dinheiro e quer evitar qualquer clima ou tem medo de parecer o chato da rodada. Você pode estabelecer um valor máximo que está disposto a pagar a mais. Se ultrapassar, quita somente o que consumiu e pronto.

FONTES: Rachel Jordan, consultora de imagem e comportamento. Ana Franco, consultora de imagem profissional.
 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Redação
Redação
"Fui marmita de traficante"
BBC
Redação
Redação
Redação
do UOL
Redação
Redação
Redação
Blog do Fred Mattos
Blog da Morango
Redação
Redação
Redação
Redação
do UOL
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Astrologia S/A
do UOL
Redação
Redação
Redação
BBC
Blog da Morango
Redação
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
do UOL
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
do UOL
BBC
Topo