Comportamento

Veja 8 curiosidades sexuais de várias partes do mundo

Divulgação/Museum of Sex
No Museum of Sex de Nova York, público se diverte em pula-pula recheado de seios gigantescos Imagem: Divulgação/Museum of Sex

Heloísa Noronha

Colaboração para o UOL

06/11/2017 04h00

Museu dedicado ao pênis, clubes que simulam transporte público, venda de calcinhas usadas, rituais primitivos e até falta de vontade de se relacionar são algumas das particularidades relacionadas ao sexo mundo afora. Confira:

História, arte e sacanagem

Se no Brasil ultimamente a relação entre sexualidade e arte vem causando polêmica, em alguns países o assunto é a atração principal de vários museus. Reykjavik, capital da Islândia, possui um dedicado exclusivamente ao pênis. Inaugurado em 1997, o grande destaque do espaço é a extensa coleção de membros de diferentes mamíferos. Já o acervo do Sex Machine Museum, em Praga (República Checa), conta com vários brinquedinhos eróticos das mais diferentes formas e épocas. Datada do século 16, uma roda com diversos pênis de madeira que permite a penetração anal ou vaginal de duas pessoas ao mesmo tempo chama a atenção. Outro que merece destaque é o Museum of Sex, em Nova York. Criado em 2002, conta com mais de 15 mil itens, incluindo obras de arte, fotografias, roupas, invenções tecnológicas e peças históricas. Há exposições educativas e com pegada mais ousada.

Fetiches e mais fetiches

Famoso pelo apreço às tradições e ao conservadorismo, o Japão, visto de perto, é um dos países mais fetichistas do mundo. Numa nação em que é cada vez maior o número de solteiros, os homens parecem preferir a companhia de bonecas realísticas feitas de silicone. Clubes, bares e bordéis que reproduzem ambientes temáticos - aviões, salas de aula e até vagões de metrôs - também são bastante procurados. Lá, na companhia de prostitutas, os fetichistas podem "realizar" fantasias sexuais específicas como agarrar mulheres em lugares públicos ou tirar fotos por baixo de saias.

Calcinhas lucrativas

Quem viu o seriado "Orange is the New Black" pôde conferir a grana alta que Piper Chapman (Taylor Schilling) levantou ao vender calcinhas usadas pelas detentas para pessoas a fim de novas experiências e sensações. Pois o Reino Unido é o cenário de um site real e lucrativo com o mesmo tipo de negócio, o Sell Panties for Money. Através dele, moçoilas anônimas podem vender suas peças íntimas - quanto mais sujas e fedidas, melhor o preço - para britânicos solitários (ou nem tanto). A página traz dicas e mais dicas sobre como deixar as calcinhas bem úmidas de fluidos e até o tipo de música ideal para a "atividade" - rock ocupa o topo da lista.

Libido em baixa

Nos Estados Unidos, os Millennials e a geração seguinte (a chamada Geração Z) têm cada vez menos interesse em sexo. Segundo um estudo recente publicado pelo “Archives of Sexual Behaviour”, os jovens estão fazendo menos sexo do que os pais ou avós faziam quando eram novos. Os motivos? Rotinas caóticas, falta de parceiro fixo e até mesmo uma insatisfação e infelicidade generalizadas em relação à vida.

Rituais primitivos

Na tribo Kreung, no Camboja, o divórcio é ilegal, mas a experiência sexual é motivada. Eles constroem cabanas de amor para as meninas quando elas têm por volta de 15 ou 16 anos. Lá, as garotas podem fazer sexo com vários meninos da tribo, até encontrar o par ideal. Já na tribo Sambia, em Nova Guiné, os meninos são separados de todas as mulheres aos 7 anos. Até os 17, devem viver somente com os homens, pois as mulheres são consideradas impuras. No início do ritual de iniciação dessas crianças, elas devem fazer sexo oral no guerreiro mais corajoso da tribo e devem engolir o sêmen, que é considerado fundamental para que cresçam fortes.

Festival do suingue

Os adeptos da troca de casais têm um festival exclusivo em reverência à prática. Trata-se do Swingfields, que ocorre anualmente no País de Gales (Reino Unido), em espaços abertos cuja localização só é divulgado poucos dias antes da data, para evitar curiosos. Nesse acampamento, cuja frequência é formada por 80% de casais, é possível fazer de tudo e mais um pouco - exceto circular sem nada da cintura para baixo em regiões de alimentação, por questão de higiene. O próximo Swingfields acontece entre 28 de junho e 1º de julho de 2018.

Só na atividade

Os cariocas obtiveram nota 10 nas categorias "sexualmente ativo" e "sexualmente experimental" em uma pesquisa recente conduzida pela empresa de conteúdo adulto Lazeeva. O estudo consultou mais de 450 mil pessoas de 18 a 70 anos que vivem em diferentes cidades pelo mundo e chegou à conclusão que o Rio de Janeiro é uma das capitais mais quentes do planeta. Outra categoria em que a população carioca se destacou foi a de "consumo de brinquedos eróticos". Com 9,9 pontos, a Cidade Maravilhosa perdeu apenas para São Paulo (10), que também aparece entre as dez primeiras cidades da lista geral com uma nota total de 75,95.

Paraíso dos bordéis

Entre os países em que a prostituição é legalizada, a Alemanha merece destaque. Em 2017, a BSD (Bundesverband Sexuelle Dienstleistung), associação que representa os proprietários de bordéis, lançou uma espécie de selo de qualidade para os estabelecimentos a fim de proporcionar condições de trabalho mais justas, responsáveis e higiênicas. Estima-se que os bordéis alemães arrecadem cerca de 17 bilhões de dólares por ano, independente de crises. Um dos mais luxuosos é o Paradise, em Stuttgart, um verdadeiro centro de entretenimento que conta até com restaurante, spa e cinema.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Redação
Redação
Redação
Comportamento
Redação
do UOL
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Opiniões Estilo
Redação
Redação
Redação
Blog da Morango
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
BBC
BBC
Redação
BBC
BBC
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Blog do Fred Mattos
Blog da Morango
do UOL
Redação
Redação
Topo