Finanças

Você fala seu salário para os outros? Isso pode ajudar você a ganhar mais

iStock
Se adquirirmos esse hábito, conseguiríamos mudar um cenário comum no nosso país: atribuição de salário pela pessoa, não pelo cargo Imagem: iStock

Carolina Prado e Gabriela Guimarães

Colaboração com o UOL

26/11/2017 04h00

Conversar sobre seu salário, com quem quer que seja, causa desconforto? Você gagueja até mesmo em uma entrevista de emprego, quando perguntam sobre o quanto ganha ou gostaria de ganhar? É compreensível. “No Brasil, conversar não só sobre salário, mas sobre dinheiro, é um grande tabu. Muitas pessoas não falam sobre isso nem com seus parceiros”, conta Fábio Vidal, gestor de RH.

E há algumas razões para este ser um assunto “proibido”. Em nosso país, ainda existe uma disparidade grande entre salários. “Em países desenvolvidos, as diferenças salariais entres os níveis hierárquicos são bem mais baixas se comparadas aos países não desenvolvidos. A transparência existe porque não existe a desigualdade tão cruel”, explica Viviane Narducci, professora do Instituto de Desenvolvimento Educacional da Fundação Getúlio Vargas.

Quando é bom falar

Discutir sobre seu salário pode ser uma forma eficiente de recolocação. “Às vezes, um colega acha que você ganha muito bem e não te indica para uma vaga porque acredita que o salário seja pouco, quando, na verdade, seria perfeito para você”, conta Renata Perrone, sócia da De Bernt consultoria de RH.

Além disso, em um cenário ideal (mas irreal, por enquanto), falar o quanto ganha para os colegas de trabalho poderia diminuir a desigualdade salarial. “Se adquirirmos esse hábito, conseguiríamos mudar um cenário muito comum no nosso país: atribuição de salário pela pessoa e não pelo cargo. Isso não está certo. Devemos estabelecer ou, pelo menos, seguir um piso”, diz Vidal. 

Veja também

Jogo aberto na família

É interessante falar sobre salário para os filhos, mostrando o valor do trabalho. Em geral, as crianças não têm ideia da remuneração dos pais. Expor não só o salário mas as saídas do orçamento familiar ajuda a criar cidadãos mais conscientes sobre o consumo. “Entre casais, o assunto pode ser abordado ao pensar no futuro. No que vai acontecer pós-aposentadoria. É o timing perfeito para introduzir o assunto entre casais que nunca falaram sobre suas finanças antes”, sugere Vidal. 

Fale com cuidado

Dentro da empresa, uma forma de tocar no assunto sem se expor demais é apenas informar a faixa salarial em que se encontra. Ainda, segundo Michele Souza, consultora de RH e coach de carreira, é bom observar se este é um assunto de interesse do interlocutor, para não parecer fofoca. “Tome cuidado para não prejudicar outros colegas de trabalho e, principalmente, para não descumprir regras e políticas da empresa e colocar seu emprego em risco”, alerta. Já fora do ambiente de trabalho, cuidado com quem você se abre sobre o assunto. Às vezes, o que você ganha não é a realidade das outras pessoas e você pode parecer arrogante.

Não aponte o colega ao pedir aumento

Você será malvisto dentro da empresa se disser que quer mais dinheiro porque fulano tem um salário maior que o seu. “A melhor arma para pedir um aumento é fazer uma retrospectiva de si mesmo, verificar como foi sua atuação no ano, se atingiu as metas propostas, se avançou além”, sugere Renata Perrone.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Topo