Relacionamento

Você idealiza demais o seu parceiro?

Getty Images
Imagem: Getty Images

No início do relacionamento, é natural criar expectativas sobre o par. Porém, conforme a relação amadurece, é preciso conhecer e aceitar o outro como ele é. Descubra se está fazendo isso, a partir do teste elaborado com a consultoria da psicóloga Margareth dos Reis, doutora em Ciências pela USP (Universidade de São Paulo).

  1. 810

    Depois do cinema, seu parceiro sai elogiando o filme. Só que você detestou. Qual é o seu comentário?

    Getty Images
  • Getty Images

    Sim, por puro romantismo

    Você procura dar atenção apenas às qualidades do par e o vê como uma pessoa íntegra e dedicada. Exatamente por isso, faz o possível para levar o relacionamento adiante, apostando todas as suas fichas nessa história de amor e depositando muitas expectativas no par. "O risco de idealizar demais o parceiro é não enxergá-lo como realmente é, por distorcer a realidade. Quem faz isso geralmente se frustra e sofre. É questão de tempo", declara a psicóloga Margareth dos Reis. Para mudar, tente observar com mais atenção o par e, se necessário, colha as impressões de pessoas em quem confia. Quanto antes você puder racionalizar as suas fantasias a respeito dele, melhor.

  • Getty Images

    Sim, por insegurança

    Você tem tanto medo de ficar sozinho que prefere ignorar os defeitos do par. Assim, se convence de que vale a pena continuar investindo no relacionamento. Como se não bastasse, você chega a assumir os erros do parceiro, para que continue ocupando o lugar que você destinou a ele, no alto de um pedestal, tal qual um objeto sagrado. O que é, no mínimo, perigoso. "É preciso reconhecer os defeitos do outro e até dizer a ele o que o incomoda. Essa é uma maneira de ajudar o par a melhorar", diz a psicóloga Margareth dos Reis. Mas, antes de fazer isso, você precisa cuidar da sua autoestima, que está abalada. "Tente olhar mais para as suas próprias necessidades e menos para as do outro", diz Margareth.

  • Getty Images

    Não, enxerga a realidade

    Longe de sonhar com um conto de fadas, você tem consciência de que o parceiro, assim como qualquer ser humano, possui algumas características positivas e outras nem tanto. "Pessoas que possuem os pés no chão se dão ao direito de conhecer melhor o parceiro e procuram verificar se ele é realmente alguém com quem vale a pena manter algo duradouro", diz a psicóloga Margareth dos Reis. Com essa visão, você não busca manter o relacionamento a qualquer custo, mas só enquanto ele estiver dando bons frutos para ambos. Para isso, impõe limites, negocia e tolera. Tudo na medida certa.

  • Getty Images

    Não, é exigente demais

    Você dá atenção apenas aos defeitos do par. "É saudável falar sobre as coisas que incomodam no outro. Mas fazer isso o tempo todo e ainda querer mudar a pessoa é um grande erro", afirma Margareth dos Reis. Fugir da relação ao detectar o primeiro problema também é uma armadilha, sobre a qual vale a pena refletir. Afinal, quem age assim, com um nível de tolerância tão baixo, acaba tendo dificuldade de manter uma relação duradoura. "Quem enxerga problemas demais no outro tende a esperar muito dele, mas sem dar a contrapartida. É preciso refletir sobre o próprio comportamento se quiser levar a relação adiante", diz Margareth.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog do Fred Mattos
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Blog do Fred Mattos
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Blog do Fred Mattos
Redação
Redação
Redação
Redação
BBC
BBC
"Fui marmita de traficante"
Blog do Fred Mattos
Redação
Redação
Redação
Redação
do UOL
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Blog do Fred Mattos
Opiniões Estilo
do UOL
Redação
Redação
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Blog do Fred Mattos
Redação
Redação
Topo