Comportamento

Você é egoísta na cama?

Getty Images
Imagem: Getty Images

Responda ao teste e avalie se você se preocupa apenas com a sua satisfação sexual ou se o prazer alheio também é importante para você. | Consultoria: Elisangela Pereira, psicóloga pela Universidade Federal de Juiz de Fora, especialista em sexologia

  1. 910

    Você concorda com o ditado que diz que entre quatro paredes vale tudo?

    Getty Images
  • Getty Images

    Só pensa no próprio prazer

    Suas respostas sugerem que você busca seu prazer em primeiro lugar e não disfarça. Se está com vontade, não desiste até fazer o par ceder aos seus desejos. Mas, por outro lado, não vai para a cama se não estiver a fim. Cuidado para não desgastar a sua relação amorosa. "A não ser que o parceiro seja submisso, ele vai pular fora, pois sexo é troca", afirma a psicóloga Elisangela Pereira. Procure entender os motivos que fazem com que você aja assim e tente mudar de comportamento. Se for preciso, busque ajuda

  • Getty Images

    Preocupa-se demais em agradar ao par

    Pelas suas respostas é possível concluir que você não pensa no próprio prazer: satisfazer o par é sua prioridade. De acordo com a psicóloga Elisangela Pereira, geralmente quem age assim está com a autoestima baixa e sente medo de perder o parceiro. Que tal relaxar e se dar o direito de sentir prazer, curtindo a relação de maneira justa e igualitária? "Querer agradar demais não é bom. Na verdade, as chances de desagradar o parceiro pelo excesso de cuidado são grandes", alerta a especialista

  • Getty Images

    Não, também pensa no parceiro

    Suas respostas indicam que você acha importante proporcionar prazer ao parceiro, mas que, também, busca desfrutar o melhor na cama, deixando as coisas fluírem naturalmente. Continue assim. "O equilíbrio está exatamente em conseguir uma distância saudável tanto do egoísmo quanto da desvalorização de si mesmo", diz a psicóloga Elisangela Pereira. "Isso implica em estar feliz e fazer o parceiro feliz", acrescenta a especialista

  • Getty Images

    Finge que não

    Suas respostas sugerem que você está mais preocupado com seu próprio prazer do que com o bem-estar do parceiro. Porém, não deixa suas tendências egocêntricas ficarem tão evidentes --talvez para não magoar o par ou até por culpa. Mas saiba que as aparências podem não durar por muito tempo. "A pessoa corre o risco de o parceiro ir se desinteressando, pois ele começará a perceber que é objeto de prazer do outro e, uma hora, pode romper a relação", explica a psicóloga Elisangela Pereira

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog Alto Astral
Redação
Redação
Redação
Redação
Blog Em Desconstrução
Redação
ANSA
Blog Alto Astral
Blog Extraordinárias
Blog da Morango
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
Blog Alto Astral
Redação
Redação
Blog Alto Astral
Blog Deu Match
Redação
do UOL
Redação
EFE
Blog Extraordinárias
Blog Alto Astral
Blog da Morango
Redação
AFP
Redação
EFE
BBC
Blog Alto Astral
Blog Deu Match
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Blog Alto Astral
do UOL
Redação
Redação
do UOL
AFP
Redação
Redação
Blog Deu Match
Topo