Comportamento

Que tipo de marmita combina com você?

Getty Images
Imagem: Getty Images

Descubra a partir de uma análise de seus hábitos alimentares e de seu estilo de vida. O teste foi elaborado com a colaboração da nutricionista Mariana Della Torre, que atua na academia Bodytech, em São Paulo

  1. 710

    Quantas refeições você costuma fazer ao longo do dia?

  2. 810

    Você come fritura com que frequência?

  • Getty Images

    Farta

    Você é do tipo que não se preocupa com calorias ou nutrientes, quer comida farta e saborosa todos os dias. Porém, ao escolher um pouco melhor os alimentos que coloca na marmita para levar para o trabalho e organizando-a adequadamente, pode tirar mais proveito das refeições que faz fora de casa. A nutricionista Mariana Della Torre dá algumas dicas: "Evite alimentos fritos, pois eles deixam de ser crocantes quando são requentados. Também é interessante separar os alimentos frios dos quentes, e colocar tempero e molho só na hora de comer", afirma

  • Getty Images

    Saudável

    De acordo com suas respostas, você fez a opção de levar marmita para o trabalho porque assumiu um estilo de vida leve e saudável. Assim, prefere ter controle sobre o que consome, os processos de preparação e a quantidade que vai comer. "Nos bufês por quilo, há uma variedade muito maior de alimentos. Já nos restaurantes à la carte, as porções, muitas vezes, são grandes demais. A marmita é ideal para quem gosta de comer de forma regrada", diz a nutricionista Mariana Della Torre

  • Getty Images

    Com comida de mãe

    Ao que tudo indica, você não tem intimidade com a cozinha e sobrevive às custas das refeições preparadas pela família. Mas, se estiver aberto a variar o cardápio, vai sair ganhando. "Comida de marmita não é só arroz feijão e bife. Tem carne moída, rosbife, lagarto, frango assado, filé de peito, almôndega, vários peixes que podem ser grelhados, omeletes com diversos recheios, entre muitas outras opções. Às vezes, basta mudar a forma de preparo para sair da monotonia", afirma a nutricionista Mariana Della Torre

  • Getty Images

    Não combina com marmita

    Aparentemente, levar marmita para o trabalho é um sofrimento para você, mas não precisa ser assim. Uma opção mais econômica do que ir ao restaurante, e que resolve a vida de quem não gosta de cozinhar, é optar por uma linha de produtos congelados. Agora, se o orçamento estiver apertado até para isso, a solução é variar os alimentos e as receitas. "Também é importante investir na montagem da marmita, para que a comida fique organizada e os alimentos despertem o paladar", afirma a nutricionista Mariana Della Torre

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog da Morango
Redação
Redação
do UOL
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Redação
Da Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Redação
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Redação
Redação
Redação
BBC
UOL Estilo
Redação
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
BBC
BBC
Redação
Blog da Morango
Redação
Redação
Redação
Topo