Gravidez e filhos

Queda de cabelos é intensa após a gestação; saiba como amenizar o problema

Thinkstock
Alteração hormonal da mulher após o parto faz com que a queda de cabelo seja acentuada Imagem: Thinkstock

Rosana Faria de Freitas

Do UOL, em São Paulo

15/06/2012 07h15

Durante os nove meses em que carregou seu bebê na barriga, é provável que você tenha percebido como seus cabelos ficaram bonitos, fortes, saudáveis. Tal injeção de vida é decorrente dos hormônios femininos, estrógeno e progesterona, que, nessa fase, se mantêm em franca atividade no organismo. Acontece que, depois que a criança nasce, poucas mulheres escapam de uma das consequências dolorosas da gravidez: a queda de cabelo.

O problema, em geral, acontece após 60 dias do nascimento e se estende por até seis meses. "Na gestação, os hormônios masculinos praticamente desaparecem e sobram os femininos, que são bons para os cabelos. No pós-parto, as taxas voltam à normalidade e os fios que não caíram no período despencam todos ao mesmo tempo. Daí, a queda acentuada, que tanto desagrada às mulheres", explica Valcenir Bedin, dermatologista, mestre e doutor em medicina pela Unicamp (Universidade de Campinas), tricologista e nutrólogo, diretor do Centro Integrado de Prevenção do Envelhecimento e presidente da Sociedade Brasileira do Cabelo.

Seus cabelos caíram após o parto?

Resultado parcial

Total de votos
Total de votos

A média é cair cerca de 30% dos fios. "O estado nutricional da paciente conta muito. Dependendo de como esteja, a perda varia entre 10% a 50%", diz Adriano Almeida, dermatologista e tricologista, diretor do Instituto de Dermatologia e Estética e professor da Fundação Pele Saudável. Ele recomenda que, durante e depois da gestação, a mulher mantenha uma alimentação o mais saudável possível. A lista inclui itens ricos em ferro, zinco, cobre e vitamina B6, como frutas secas, banana, legumes, vegetais verde-escuros, grãos integrais, peixes –especialmente frutos do mar–, fígado, gema de ovo e leite. "O cabelo é pura proteína, portanto, precisa de aminoácidos, vitaminas e sais minerais para se formar. Para quem quer investir pesado na prevenção, vale ingerir, durante a gravidez, suplementos com tais itens, com prescrição médica", diz Bedin.

A boa notícia é que, caso não haja outro problema envolvido, seu organismo irá repor todos os fios que caíram. "Algumas gestantes desenvolvem, durante o período, distúrbios da tireoide ou diabetes. Nestes casos, o restabelecimento da massa capilar é mais demorado ou incompleto", explica Adriano Almeida. Importante: quanto mais cuidar da alimentação, mais rápido tudo voltará ao normal. "Caso a mamãe não ingira os nutrientes necessários, a reposição pode demorar um ano ou até mais", salienta Valcenir Bedin.

Os cosméticos ajudam?
Há muitos cremes no mercado que prometem fazer a cabeleira crescer, ganhar força e vida... "Eles melhoram a saúde do fio na haste [comprimento], mas não têm influência na prevenção da queda e tampouco colaboram muito para o fortalecimento. De qualquer forma, hidratam, restauram e deixam o cabelo mais macio, elástico e bonito", afirma Ademir Jr., tricologista, membro e diretor da Internacional Association of Trichologists. Bedin concorda e diz que os cremes melhoram a aparência, "porém não dá para esperar deles um tratamento contra a queda". Já Adriano completa que ajudam a prevenir a quebra, principalmente nas madeixas com química. "É bom lembrar, também, que pode haver modificação na textura após o parto –o fio nascer menos liso, por exemplo. Isso ocorre por causa das alterações hormonais."

Cuide bem das melenas

Veja dicas dos especialistas entrevistados para diminuir a queda e recuperar os fios perdidos:

- Mantenha bons hábitos alimentares. A alimentação correta, com o suporte adequado de nutrientes, é fundamental para evitar e conter a queda do cabelo após o parto. Caso seja necessário, procure um médico ou nutricionista para fazer a reposição de vitaminas e minerais. Beber água é fundamental. A ingestão de líquidos é importante para todos os tecidos, inclusive o capilar;

- Mantenha a boa higiene das madeixas e do couro cabeludo. Use sempre produtos de qualidade. Aplique xampus, condicionadores e cremes adequados ao seu tipo de cabelo –seco, oleoso, fino, com química. E de preferência da mesma marca, pois assim os itens se complementam e há um equilíbrio. Leia mais sobre lavar os cabelos corretamente aqui.

- Evite processos como tinturas e alisamentos. Pelo menos durante essa fase, não submeta os fios a descolorações profundas com amônia ou processos que alteram a estrutura do fio. Não utilize secador muito quente e evite o uso de chapinha. Para mantê-los bonitos, faça hidratações frequentes. Uma vez por semana, no salão ou em casa;

- Cuide do seu corpo e mente. Tente se manter no seu peso ideal, pois o sobrepeso contribui para a ocorrência de alterações hormonais, que afetam o cabelo, e controle o estresse. Se preciso, procure ajuda terapêutica para ter equilíbrio (que faz bem à mãe, ao bebê e os cabelos).

Gravidez semana a semana

  • Arte/UOL

    Infográfico: clique na imagem e veja o que acontece com o corpo da mulher durante a gravidez

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Lado B
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Lado B
do UOL
do UOL
do UOL
Estadão Conteúdo
do UOL
Redação
do UOL
Redação
do UOL
do UOL
Topo