Gravidez e filhos

Atividade física é positiva para a fertilidade, mas em excesso pode ter efeito contrário

Thinkstock
Médicos recomendam a prática de exercícios físicos para todas as mulheres, mas sem excessos Imagem: Thinkstock

Rafael Roncato

Do UOL, em São Paulo

21/07/2012 08h10

Para manter corpo e mente saudáveis, especialistas recomendam alimentação equilibrada e atividades físicas. A regularidade da menstruação e a fertilidade estão entre os beneficiados de um estilo de vida saudável. "Os exercícios melhoram a pessoa de uma maneira geral: resistência, imunidade, bem-estar, autoestima. E são muito importantes não apenas para quem planeja ter um filho, mas para todos", explica Carlos Alberto Petta, obstetra e coordenador do Centro de Reprodução Humana do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, e do Centro de Reprodução Humana de Campinas.

De acordo com Gilberto da Costa Freitas, coordenador do setor de reprodução humana do Hospital Pérola Byington, o exercício físico regular tem papel extremamente importante no metabolismo e na proporção das gorduras. "Qual a importância das gorduras no corpo da mulher? O funcionamento adequado dos hormônios que controlam o ciclo menstrual dependem do metabolismo delas", explica o médico. Segundo Silvana Chedid Grieco, médica especialista em reprodução humana, além da menstruação, os hormônios também servem como um regulador da ovulação e da fertilidade.


Exageros
Fazer exercícios mais do que o recomendado, entretanto, pode trazer problemas tanto para o ciclo menstrual, quanto para a fertilidade. Segundo os especialistas, o exercício físico exagerado e por longos períodos pode levar à queima dos estoques de gordura do corpo. "Nesses casos, há alterações metabólicas e hormonais que podem interferir na secreção dos hormônios responsáveis pela estimulação dos ovários", explica Silvana. As alterações desses hormônios podem bloquear a ovulação e levar a mulher a ter períodos de amenorreia (ausência de menstruação).

"Geralmente, isso acontece nas atletas de alto nível, bailarinas, maratonistas ou qualquer pessoa que se submeta a programas intensos de exercícios", explica Claudio Bonduki, professor-assistente do departamento de ginecologia da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo). 

Não é possível definir um padrão geral para as mulheres do que é o excesso de atividade física, pois os limites de cada indivíduo variam. Porém, no geral, os médicos recomendam a prática quatro vezes por semana e, no máximo, duas horas por dia, de intensidade moderada. "Apesar de ter um caráter individual, quanto maior a intensidade dos exercícios, maior será a perda calórica e, consequentemente, haverá alterações hormonais", diz Freitas.

Orientações
A regularidade do ciclo menstrual representa um aspecto importante da fertilidade feminina. Mulheres que menstruam regularmente (ciclos com intervalos de 28 e 30 dias) ovulam com maior frequência e são mais férteis. Quando a mulher que se exercita bastante nota que seu ciclo menstrual está alterado, é bom ter atenção, porque pode ter menos chances de engravidar. 

"A orientação é que as mulheres reduzam a carga de exercícios e procurem seguir uma dieta balanceada para funcionamento hormonal adequado", explica Renato Fraietta, médico-assistente e coordenador do setor de reprodução humana da Unifesp. Segundo ele, atividades físicas não têm contraindicação, o problema é o excesso. "Sem exageros e com uma boa alimentação, a tendência é de os ciclos e a ovulação se regularizarem, dependendo da idade e potencial fértil de cada mulher", completa.

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Gravidez e Filhos
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
Estadão Conteúdo
Topo