Gestação

Os seus, os meus e os nossos: como é a vida de um casal com sete filhos

Arquivo pessoal
No sentido anti-horário, Edson Kemper, a mulher, Daniela Finotti, a ajudante da família, Naná, e os sete filhos Imagem: Arquivo pessoal

Beatriz Vichessi

Colaboração para o UOL

07/11/2016 07h10

Edson Kemper, 46, tem dois filhos do primeiro casamento --Tiago, 18, e Diogo, 17-- e é casado com Daniela Finotti, 36, há 12 anos. Com ela, teve mais filhos. Até aí, a história se parece como a de muitas famílias brasileiras, se não fosse um detalhe. Juntos, eles têm cinco crianças.

Os primeiros a nascer foram os trigêmeos --Carolina, Isabela e João Pedro--, de nove anos. Cinco anos depois, vieram os gêmeos José Luiz e Gabriel, com três.

Atualmente, Daniela mora com as crianças e o enteado Diogo em Campinas (SP). Tiago mora em Fortaleza, onde estuda música, e Edson está em Petrolina (PE), para onde se mudou em outubro por causa do trabalho. No início de 2017, a família deve acompanhá-lo. Diogo será o único a permanecer em Campinas para terminar o ensino médio. Na casa da família também vive Naná, uma ajudante que faz de tudo um pouco: lava, passa, cozinha e dá uma mão com as crianças.

Engenheira agrônoma, Daniela parou de trabalhar como representante comercial depois que voltou da licença-maternidade dos trigêmeos.

"Ganhei dois anos de licença para poder cuidar deles, mas não consegui retornar ao trabalho. Foi uma época conturbada. Descobrimos que uma das meninas tem deficiência auditiva por conta de uma sequela da fase em que ficou na UTI logo após nascer [com 28 semanas de gestação]. Sabia que se continuasse trabalhando não seria nem mãe nem profissional direito”, diz Daniela.

Arquivo pessoal
A família toda reunida Imagem: Arquivo pessoal

Até a mudança de Edson para cidade pernambucana, ele e Daniela costumavam acordar juntos por volta de 5h30 e só parar na hora de dormir. Na divisão de tarefas, Edson cuidava dos trigêmeos e do café da manhã deles, enquanto Daniela ficava responsável pelos gêmeos. “Tentava  sempre fazer um café da manhã personalizado para cada um”, fala o pai.

Atualmente, Daniela é quem leva e busca as crianças na escola, faz supermercado e outras compras e ainda reserva tempo para fazer companhia às crianças quando estão em casa. Paralelamente a tudo isso, ela ainda se dedica ao blog "Mãe de Muitos", no qual fala da sua rotina.

“Quero fazer tudo com todos eles, participo de tudo, faço passeios, brinco, acompanho a vida escolar. É uma bagunça que adoro, temos crianças pequenas, crianças mais crescidas e um adolescente em casa, imagine como é para agradar a todos”, conta.

Daniela diz estar mais cansada agora que Edson está em Petrolina. "Sempre fomos muito parceiros, dividimos as tarefas e organizamos a rotina da família juntos”, fala.

A casa da família, segundo o casal, sempre é muito animada, cheia de amigos. “Gostamos de fazer festas, de ter hóspedes. Já recebemos 17 pessoas para pernoitar aqui, foi uma bagunça só, com gente por todos os cantos. Posso afirmar que, por conta de nossos sete filhos, o clima aqui parece mais ou menos com as de festas de Natal e Ano Novo, só que o ano todo”, fala Daniela.

Muitos filhos, muitos programas

Nos fins de semana, o casal geralmente se divide para contemplar as vontades e os gostos dos filhos. O pai, por exemplo, sai com os menores para passear, e Daniela vai acampar com os maiores e a turma de escoteiros.

"Também gostamos de ficar todos juntos, é claro. Só que é difícil um programa que agrade todos ao mesmo tempo. Meu maior desafio não é conseguir cuidar de todos, é ser uma mãe para cada filho”, diz ela.

Um programa que todos na família curtem são os feitos ao ar livre, e Daniela está sempre de olho em passeios assim e, de preferência, gratuitos, assim como bazares e brechós, o que faz os gastos com roupas e acessórios ficarem mais sob controle.

Um programa que a família raramente faz é almoçar ou jantar fora, tanto por conta de questões financeiras (Daniela afirma que uma refeição para todos não sai por menos de 500 reais em alguns restaurantes) quanto pela logística.

Até que todos estejam prontos para sair, passou tanto tempo e todo mundo está tão cansado, que acham melhor ficar em casa. Animada, a família organiza jantares temáticos. “Procuramos receitas na internet, compramos os ingredientes e fazemos tudo”, fala Daniela.

Para que tudo funcione bem, o segredo do casal é manter uma rotina com horários estabelecidos. “Costumo brincar e dizer que temos um toque de recolher à noite: oito e meia é hora de todos estarem na cama”, fala. Criançada dormindo, é hora de a mãe arrumar coisas para o dia seguinte, assistir à TV e ficar com o marido.

E o romance?

É fato que a vida a dois de Daniela e Edson não tem muito tempo para acontecer, mas o casal é categórico ao afirmar que a vida deles melhorou muito depois de os filhos nascerem. “Costumo brincar com Edson falando que temos de ficar juntos. Que outra mulher vai querer você, com sete filhos? E que homem vai me querer, com cinco?”, conta.

Para reavivar o casamento (e descansar, é claro), o casal tenta manter a rotina de viajar a sós uma vez por ano. Edson também fala que preservar tempo diariamente para conversar é fundamental.

“É evidente que nem sempre dá, mas se a conversa deixa de ser prioridade, o casal vai ficando cada vez mais desalinhado”, afirma ele.

Para Daniela, os filhos são parte da receita de sucesso do casamento deles. “O que me fascina sobre ter filhos é que eles são metade minha, metade meu marido, a pessoa que amo.”

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Especiais
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Comportamento
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
Topo