Adolescência

Aos 16, filha de Solange Gomes preenche lábios; procedimento é permitido?

Reprodução/Instagram
Stephanie, filha adolescente da modelo Solange Gomes, fez, aos 16 anos, seu primeiro preenchimento labial com ácido hialurônico Imagem: Reprodução/Instagram

Thamires Andrade

Do UOL

01/02/2017 18h04

Stephanie, filha adolescente da modelo Solange Gomes, fez, aos 16 anos, seu primeiro preenchimento labial com ácido hialurônico. O procedimento levantou dúvidas sobre a segurança da técnica em jovens menores de idade.

De acordo com Silvia Schimidt, membro da diretoria da SBD (Sociedade Brasileira de Dermatologia), não existe uma idade mínima para realizar o procedimento, no entanto, o ideal é que ele só seja feito depois que o corpo do paciente já estiver completamente formado. "Cabe ao médico identificar se há indicação clínica para o procedimento. Se ele achar que não, pode se negar a fazer. Mas se existir indicação, se a jovem quiser e a mãe também apoiar, o preenchimento pode ser feito com o respaldo do médico", afirma.

No entanto, ela destaca a importância do dermatologista de cuidar do estado psicológico do paciente. "Uma menina de 16 anos muito raramente precisa de um preenchimento labial. Por isso, o médico precisa bater um papo com a jovem e a mãe para identificar qual é a real necessidade de fazer esse procedimento. Pois você pode fazer o preenchimento e ela ainda ficará insatisfeita com o rosto, o médico precisa avaliar esse estado psicoemocional", explica Silvia.

Fernanda Nichelle, médica especialista em estética, em sua experiência clínica só fez o procedimento em uma menor de idade em caráter reparador. "Fiz o preenchimento em uma paciente que havia feito cirurgia plástica prévia para corrigir o lábio leporino, portanto, o procedimento foi apenas um complemento do tratamento de uma patologia prévia", explica.

A dermatologista Michele Haikal, por sua vez, não é contra esse tipo de procedimento em adolescentes. “Uma adolescente que não tem nada de lábio pode ser alvo de bullying e um procedimento desse pode ser positivo para autoestima. Tem gente que tem os lábios tão finos que, ao sorrir, a gengiva aparece. O preenchimento é algo que vai resolver o problema e deixar essa pessoa mais feliz”, explica.

Autorização

Para colocar o ácido hialurônico nos lábios, é preciso assinar um termo de responsabilidade e Solange precisou ficar ao lado da filha durante todo o atendimento. De acordo com as especialistas ouvidas pelo UOL, todos os pacientes, independentemente de serem menores de idade, precisam assinar um termo de consentimento.

O maior questionamento é com relação a manter o familiar durante todo o procedimento. "A presença da mãe é discutível, já que inúmeros procedimentos --como este-- precisam ser realizados em condições de assepsia e com material estéril adequado para a segurança do paciente. Portanto, devemos evitar quaisquer tipos de contaminações possíveis", fala Fernanda.

Riscos

A modelo disse que só autorizou que a filha fizesse o preenchimento, pois o ácido é absorvido pelo organismo. "Nós já temos ácido hialurônico no nosso corpo naturalmente. Ele é um polímero orgânico biocompatível e biodegradável, isso quer dizer que as chances de causar uma alergia são mínimas e que com o tempo há a degradação e absorção dele. O tempo de durabilidade depende do produto utilizado e suas propriedades, bem como do local injetado. Nos lábios, geralmente, a durabilidade é menor, cerca de 10 meses, pois é uma área que movimentamos muito devido a fala e mastigação", explica Fernanda.

Apesar de ser considerado minimamente invasivo, ainda assim há riscos associados ao procedimento. "Apesar de serem mínimos, há riscos de o local ficar roxo logo após a aplicação e de sangramentos, já que o lábio é uma região muito vascularizada. Fora que o lábio pode ficar assimétrico, pode acontecer alguma obstrução, que necrose a região. Como todo procedimento tem seus riscos, o ideal é buscar um dermatologista qualificado", explica Silvia.

Fernanda identifica que muitos pacientes já chegam na clínica com imagens da internet e de celebridades que querem ficar parecidas, no entanto, a profissional acredita que cabe ao médico ser assertivo. “É preciso explicar que dificilmente a boca da Angelina Jolie vai ficar bem em outra face. Talvez, ela possa ter lábios ainda mais belos que da atriz. Sempre digo aos meus pacientes, que eu, mais do que ninguém, quero que ele fique mais belo e satisfeito”, explica.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

UOL Estilo
do UOL
do UOL
BOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Comportamento
ESPNW
Redação
Redação
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Gravidez e Filhos
do UOL
Vya Estelar
do UOL
do UOL
Revista Ana Maria
BBC
UOL Cinema
Folha de S. Paulo
UOL Educação - BBC
do UOL
Folha de S. Paulo
Folha de S. Paulo
Folha de S. Paulo
Disney Babble
BBC
do UOL
Folha de S. Paulo
do UOL
Redação
UOL Notícias - Educação - Enem
do UOL
Redação
do UOL
do UOL
Topo