Gestação

Caso raro: mulher dá à luz trigêmeos idênticos sem tratamento

Arquivo Pessoal
Rosângela ficou grávida de trigêmeos naturalmente Imagem: Arquivo Pessoal

Thamires Andrade

Do UOL

26/04/2017 18h06

Mãe de um garoto de três anos, Rosângela Cristina dos Santos, 34, de Londrina (PR), descobriu que estava grávida no fim de 2016. Ela acabou esperando um pouco para iniciar o pré-natal e, quando teve um sangramento, correu para o pronto-socorro para saber se estava perdendo o bebê. "Foi aí que no ultrassom descobri que estava grávida de trigêmeos. Com medo de perder um, ganhei três", contou aos risos.

Sem passar por qualquer tipo de tratamento de fertilização, ela deu à luz três meninos idênticos no dia 21 de abril. O caso foi considerado raro pelos médicos do Hospital Universitário da UEL (Universidade Estadual de Londrina).

Rosângela conta que ela e o marido, Rodrigo Soares, pretendiam ter mais filhos e que os bebês foram muito bem-vindos, mesmo sem terem sido planejados. "Quando descobrimos que éramos trigêmeos foi um misto de sentimentos. Medo, insegurança, felicidade e preocupação. Foi muita coisa ao mesmo tempo. A partir daquele momento, nossa vida mudou e ficou só felicidade".

A gravidez era considerada de risco, mas Rosângela conta que o período foi muito tranquilo. Todos os exames mostravam que estava tudo certo com os bebês e ela tomava os medicamentos corretamente.

Como uma gravidez de trigêmeos dificilmente vai até a 38ª semana, Rosângela e o marido cuidaram dos preparativos para receber os filhos. "Sabíamos que eles viriam antes do tempo, então, providenciamos tudo no quartinho, compramos os berços, roupas, fizemos o chá de fraldas".

O parto dos trigêmeos aconteceu na 34ª semana de gestação. "Um dia antes fiz um ultrassom e o médico achou melhor fazer a cesárea, pois como eles estavam dividindo a mesma placenta, algum bebê podia estar pegando mais nutriente do que o outro".

Como os trigêmeos Nicolas Eduardo, Pedro Miguel e Hugo Leonardo nasceram prematuros, eles ficarão no hospital até alcançarem o peso adequado. "Atualmente eles pesam, em média, 1,5 kg. Eles estão aprendendo a sugar para pegar o peito para que eu possa amamentar. Também estamos fazendo o método canguru [contato pele a pele] para eles terem contato comigo e ganharem peso mais rápido".

A mãe já segurou os três no colo e ficou muito emocionada. "Foi uma emoção muito grande. É inexplicável. Até chorei. Fui abençoada por Deus".

Quem está ansioso para conhecer os irmãozinhos é Arthur Gabriel. "Ele não demonstrou ciúmes em momento algum. Ele sabe que os bebês nasceram e quer muito conhecê-los. Pergunta todo dia quando que eu vou trazer os irmãos dele para casa. Fala o nome deles certinho".

Hoje, a rotina de Rosângela é deixar Arthur Gabriel na escola de manhã e ir para o Hospital Universitário ficar com os bebês até o fim da tarde. "Fico até a hora de buscar o mais velho na escola, até porque também tenho que dar atenção para ele".

Para cuidar dos trigêmeos, ela contará com a ajuda da mãe, da sogra e da irmã. "Tem muita gente pronta para ajudar. Se tem uma coisa que não vai faltar é ajuda e isso é bom, pois sei que vou precisar bastante".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Comportamento
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
EFE
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo