Gravidez e filhos

Você é do tipo que causa em festa infantil, sem nem perceber?

Gabriela Guimarães e Marina Oliveira

Colaboração para o UOL, em São Paulo

02/08/2017 04h00

Eventos sociais pedem o mínimo de noção, para garantir que você será convidado para os próximos. Levar alguém que não foi chamado, não confirmar presença e aparecer do nada são algumas gafes típicas. Mas há outras que muita gente comete sem nem se dar conta:

beer

Nada de beber além da conta

Se a festa é de criança, bebidas alcoólicas podem não estar no cardápio. Os anfitriões costumam pensar mais nos pequenos na hora de organizar o evento e, por isso, muitos servem apenas sucos, refrigerantes e água. Mas há quem não se incomode em incluir cerveja e drinques com álcool na comemoração. Se for o caso, nada de exagero -- se já é mico beber e sair abraçando geral em festa de adulto, imagine encher a cara num evento infantil!

Macaco

Os objetos são cenográficos

Existe um novo conceito de decoração de mesa, com objetos em vez de esculturas de isopor. É tudo tão bonitinho: ursinhos de pelúcia, bonecas, malas vintage... Mas nada disso é lembrancinha. Os objetos são alugados pelos anfitriões ou são do acervo do decorador. Ou seja, precisam ser devolvidos, para que os pais da criança não tenham que pagar pelo prejuízo. Vasinhos de flores sobre a mesa, geralmente, podem ser levados. Mas é bom perguntar, né?

Monica

Lembrancinha não é para adulto

A lembrancinha é contada e endereçada aos pequenos da festa. O adulto que se arrisca a pegar uma muito provavelmente perceberá a inutilidade de seu conteúdo em menos de dois segundos -- ou você usa giz de cera no escritório? Além disso, alguma criança pode ficar sem. Também não vale pegar para seu sobrinho ou afilhado que não foi convidado. Acredite: ele ganha vários presentinhos como esse.

Menina

Crianças têm a preferência

Na fila do brinquedo, na hora de tirar foto com um personagem ou nas mesas com guloseimas, pode pegar mal um adulto passar na frente dos pequenos. Mesmo que você ainda não seja mãe, vale saber que, em aniversário de crianças, elas têm sempre prioridade. Adultos são meros coadjuvantes nessas ocasiões. Na hora do “Parabéns” também é melhor deixar os menores mais perto do bolo, para que eles possam também enxergar o aniversariante.

Juiza

O horário do convite é real

Festas infantis têm horário para começar e terminar -- especialmente em bufês -- e seguem uma programação, principalmente se há shows e oficinas. Se você chegar atrasada com uma criança, ela pode perder boa parte da diversão. Para os pais que preferem deixar o filho no evento e buscá-lo mais tarde, a dica é respeitar o horário do término. É bom saber que, em bufê, paga-se multa quando os convidados vão embora até a hora limite.


Fontes: Andrea Guimarães, produtora e organizadora de eventos; Adriana Porto, organizadora de festas infantis; Ivani Neublum, decoradora da Vivo Desejo Decoração de Festas.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Gravidez e Filhos
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo