Gestação

Thaís Fersoza conta em vídeo: "Quem acorda de noite é o papai, viu gente?"

Do UOL, em São Paulo

18/09/2017 19h43

Mãe de Melinda, de 1 ano, e Teeodoro, de quase 2 meses, Thaís Fersoza já é praticamente expert em maternidade. Em seu canal do YouTube, a atriz compartilha momentos da criação de seus filhos e divide dicas com outras mamães, sejam de primeira viagem ou não. No quadro "Tatá Responde", divulgado nesta segunda-feira, ela separou várias dúvidas de fãs para responder.

Gente como a gente

“Ninguém nunca dormiu com a Melinda, quem dorme com ela é só a babá eletrônica e eu fico monitorando do meu quarto. Quando ela mamava de madrugada eu que ia, ou se precisava trocar fralda. Agora, se ela chora ou resmunga, quem vai lá é o papai, viu gente?", disse a atriz, que acrescentou ainda que ela e o marido se revezam muito bem na atividade.  

Ajudinha

Ela conta que não é contra de forma nenhuma as babás, mas sim contra "largar a criação na mão de outras pessoas". "Se você colocou a criança no mundo tem que estar disposto a viver aquele momento. Acho importante e saudável ter uma ajuda, seja dos parentes ou de uma babá, não sou contra. Tem gente que não tem tempo para se dedicar aos filhos como estou tendo, muitas mães querem e precisam retornar ao trabalho". Por morar longe da família - a dela mora no Rio de Janeiro, e a de Michel em Campo Grande -, nos três primeiros meses de Melinda, ela contou com a ajuda de uma enfermeira, pois tudo era novidade, e desde que engravidou de Theodoro, também tem tido a o auxílio de uma pessoa para cuidar dela, da casa, do Michel e dos bebês.

Banho relaxante

"Quando o bebê tem uma rotina, ele é um bebê menos estressado", afirma Thaís. Ela conta que Melinda tem uma rotina estabelecida, coisa que ela e Michel prezaram desde o início. Hoje em dia, por exemplo, ela já até sabe quando é hora do seu "banho relaxante", por volta das 18h. 

Marcas

Pela proximidade da gravidez de Melinda com a de Theodoro, Thaís contou que a maior preocupação de sua obstetra foi em relação à cicatriz da cesárea. "A parte interna da cicatriz sempre tem perigo de romper, por isso acompanhamos de perto, mas correu tudo bem". E a dor? "O pós-operatório não é agradável. Quando você senta, na hora de levantar, parece que vai dividir o corpo".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
Blog Lado B
Blog Lado B
do UOL
BBC
do UOL
Blog Lado B
do UOL
Blog Lado B
do UOL
do UOL
Blog Lado B
Redação
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Especiais
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
Topo