Moda

Galliano multiplica referências em homenagem a Christian Dior em desfile de alta-costura

Reuters
Dior desfila coleção de alta-costura assinada por Galliano, no 1º dia do evento, em Paris Imagem: Reuters

30/06/2008 16h56

PARIS, 30 Jun 2008 (AFP) - John Galliano apresentou uma Dior de grande vitalidade, com uma coleção "dioríssima" que revisita e moderniza os tem-que-ter da maison, enquanto Felipe Oliveira Baptista, o mago dos volumes, optou por formas puras ressaltadas por cores fortes. Os estilistas mostraram suas coleções nas passarelas de Paris nesta segunda-feira, primeiro dia dos desfiles de alta-costura.

Galliano multiplicou suas referências em homenagem a Christian Dior. A coleção, chamada de "totalmente Dior" pelo próprio Galliano, trouxe a famosa silhueta "New Look", que causou sensação e escândalo em 1947, com sua cintura super marcada e saias amplas. Os célebres tailleurs "Bar", com saias-lápis que esculpem o corpo feminino e os drapeados também apareceram, outras referências importantes da maison sutilmentes modernizadas com um toque especial do enfant terrible John Galliano.

Os vestidos e saias, sempre amplos oscilando entre o exagerado e o recato das cores "nude", eram enfeitados com grandes cintos de couro preto em verniz ou faixas bordadas, lembrando mais uma vez a cintura marcada a la Christian Dior. Os chapéus "cloche", típicos dos anos 20 e 30, combinados com vestidos transparentes de seda ou tule davam o ar de "vintage", enquanto estampas de onça e crocodilo mostravam que este era um desfile Dior, mas que o estilista era John Galliano. As cores fortes das estampas animais dividiam a cena com tonalidades suaves de azul-celeste, lilás, bege e rosa.

O ponto alto da coleção foi a "mulher-borboleta", com muito volume na saia e grandes aplicações de tecido na parte de trás, como asas, em tule preto bordado com brilhantes.

O estilista português Felipe Oliveira Baptista, que também apresentou sua coleção em Paris, suavizou a construção escultural, uma de suas principais características, optando por modelos mais puros, com volumes localizados e contraste de cores e tachas douradas.

Vestidos retos de modelagem ampla ganhavam movimento graças à combinação de cores contrastantes em estampas inteiras ou leves drapeados. O clássico e sóbrio vestido preto, o famoso pretinho básico, era realçado por apliques de tachas douradas. Os blazeres retos e amplos, que lembravam a modelagem dos anos 80, eram combinadas com calças estreitas ou saias nos joelhos com ousadas combinações de cores: laranja, azul-celeste, roxo, amarelo, prata e verde brilhante.

"Queria uma coleção chique, mas um chique sem pretensão", disse Felipe à AFP no final de seu desfile. O estilista explicou também que optou desta vez por "formas mais suaves, mais brandas", e uma "linha mais apurada" e que queria "ver de outra maneira os clásicos atemporais, para fazer algo distinto".

Uma hora antes do desfile de Felipe Oliveira, o estilista francês Stéphane Rolland abriu os quatro dias de desfiles com uma coleção em que predominavam o preto e matizes de branco e prata. Rolland propõe vestidos curtos e vaporosos na frente, e largos e compridos nas costas, além de vestidos curtos de gola plissada. Pétalas e flores de tecidos também apareceram na coleção, dando um ar etéreo ao desfile.

Christophe Josse apresentou uma coleção inspirada "nos filmes dos anos 40 e 50 e no sentimento nostálgico". Esta inspiração aparecia em vestidos curtos de musselina plissada ou fluida e seda bordada. Folhas, pétalas e casas-de-abelha dão volume aos ombros e pescoço, trazendo um clima de "boudoir" para os desfiles na cidade luz, Paris.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Ana Aoun
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Moda
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Ana Aoun
do UOL
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo