Moda

Galliano é considerado culpado por proferir insultos antissemitas

AFP
John Galliano é condenado a uma multa de 6.000 mil euros (cerca de R$ 14 mil) Imagem: AFP

PARIS, França, 8 Set 2011 (AFP) -O estilista britânico John Galliano, de 50 anos, foi considerado culpado de ter proferido insultos antissemitas e condenado a uma multa de 6.000 euros (cerca de R$ 14 mil), mas com sursis, em uma audiência celebrada nesta quinta-feira (8) no Palácio de Justiça de Paris.

Demitido pelo grupo Christian Dior, Galliano não compareceu à audiência no Tribunal Correcional de Paris.

Galliano, que foi objeto de duas ações por insultos antissemitas e racistas proferidos em duas ocasiões contra fregueses de um bar do bairro parisiense Le Marais, poderia ter sido condenado a uma de pena de até seis meses de prisão e a pagar uma multa de 22.500 euros (aproximadamente R$ 52 mil).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
AFP
UOL Mulher - Moda
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
do UOL
do UOL
Moda
do UOL
Moda
do UOL
do UOL
Moda
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
Moda
Moda
do UOL
BBC
Glamurama
Moda
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
Moda
Moda
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Moda
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Mulher - Moda
Topo