Moda

Inspirado em Carmem Miranda, Pedro Lourenço redefine a silhueta feminina

Divulgação
O desfile do estilista brasileiro Pedro Lourenço na semana de moda de Paris foi substituído pela exibição de um vídeo. A coleção mostrou looks em tons neutros com mix de texturas criadas pelo couro, tule, recortes a laser e bordados. O peplum (babado na altura do quadril) foi o ponto focal da silhueta explorada Imagem: Divulgação

De Paris

01/10/2013 15h58

O estilista brasileiro Pedro Lourenço apresentou nesta terça-feira (1º), em Paris, sua coleção para a temporada primavera-verão 2014 inspirada em Carmen Miranda, com looks que, graças às novas tecnologias, parecem se misturar ao corpo.

O caçula dos estilistas, que desfilou pela primeira vez na passarela de Paris quando tinha apenas 19 anos, optou desta vez por uma apresentação online e um showroom para imprensa. Lourenço está com 23.

No final de um polêmico processo, o governo brasileiro deu sinal verde para um incentivo financeiro no último segundo para Lourenço e outros estilistas, como Alexandre Herchcovitch e Ronaldo Fraga, com isenção de impostos por meio da lei Ruanet de incentivo à arte.

Mas esse dinheiro chegou tarde para que Lourenço pudesse montar em pouco mais de um mês seu desfile na passarela da semana de moda de Paris.

Tirando o melhor de condições ruins, Lourenço aproveitou esse ano para "reestruturar a marca para o próximo ano", quando espera poder voltar ao evento parisiense.

"Teremos projetos, queremos produzir mais coisas na Europa", explicou Lourenço em entrevista à AFP. "Por isso decidimos focar mais na reestruturação da empresa, na coleção e nas técnicas do que no desfile".

Para este jovem nascido em um lar de estilistas -filho de Gloria Coelho e Reinaldo Lourenço-, que começou a criar aos 12 anos e completou sua formação trabalhando em Paris com Giambattista Valli, "o importante é poder mostrar minhas ideias, com música e um conceito".

A apresentação em vídeo supre essas funções na falta de toda a parafernália que define um desfile completo e caro. "O que importa é ter a possibilidade de mostrar o que tenho na cabeça", explicou.

Para o próximo verão, Lourenço propõe uma linha de roupas com a inspiração focada em Carmen Miranda, a atriz e cantora brasileira nascida em Portugal que causou furor na Hollywood dos anos 1940 e 50 cantando samba com figurinos coloridos e um arranjo de frutas na cabeça.

Na passarela em vídeo de Pedro, as modelos usavam estampas de abacaxi com acessórios exuberantes evocando a "sex symbol brasileira". Apesar disso, os tons são sóbrios e se limitam ao preto, branco e nude, com toques de laranjas ou púrpura aqui e ali.

As estampas de borboletas, flores e os ombros marcados também tiveram vez. O ponto alto da coleção é um técnica que usa o degradê para dar um aspecto de fusão da roupa ao corpo da mulher.

Com esse degradê, que vai do mate até o transparente, tem-se a impressão de que a roupa se perde na pele. "É uma nova definição da silhueta: não é curta, não é larga, é algo que se funde com o corpo".

"Tem um lado um pouco louco, tropical, com os abacaxis e tudo isso, mas tratado de uma maneira mais abstrata, para a mulher atual", comenta Pedro.

Entre as influências mais importantes de sua vida Pedro cita a grande editora de moda americana Diana Vreeland, que morreu em 1989, um ano antes de seu nascimento, e cuja capacidade "para gerar desejo com algo sempre novo" fascina o estilista.

Pedro defende São Paulo por seu papel como uma das grandes formadoras de tendência no Brasil e na América Latina. "Existe muita gente que tem bom gosto, e há mulheres brasileiras que se vestem muito, muito bem", ainda que admita que outras "nem tanto".

Mas nos projetos de Pedro está também a Europa. "Instalar-me aqui é realmente uma das ideias que tenho em mente, e é uma meta na qual quero focar minhas energias no próximo ano".

"É claro que para mim é importante manter meus negócios no Brasil, mas a França também é um objetivo: quero ter um produto feito na França", diz.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
Moda
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Reuters
RedeTV! Entretenimento
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
Bloomberg
do UOL
UOL Mulher - Moda
RedeTV! Entretenimento
RedeTV! Entretenimento
do UOL
do UOL
do UOL
Topo