SPFW

Doria reduz em 37% repasse da Prefeitura para desfiles da SPFW

Alexandre Schneider/UOL
Sasha, Di Ferrero, Arthur Nory e Carol Oliveira encerram desfile da Coca-Cola Jeans na SPFW N42 Imagem: Alexandre Schneider/UOL

07/03/2017 13h57

Em meio ao corte de gastos que atinge até áreas sociais como saúde e educação, a gestão do prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), decidiu reduzir também o valor do repasse da Prefeitura para a realização da São Paulo Fashion Week (SPFW) neste ano. O evento começa na próxima segunda-feira, 13, no prédio do Bienal do Parque do Ibirapuera, na zona sul da capital.

Doria autorizou um único aporte de R$ 3,5 milhões como apoio institucional da Prefeitura à semana da moda paulistana, que ocorre anualmente na capital em duas edições, uma no primeiro e outra no segundo semestre com as coleções primavera/verão e outono/inverno.

O valor é 37,5% menor do que os R$ 5,6 milhões repassados à SPFW no ano passado como patrocínio pela gestão do ex-prefeito Fernando Haddad (PT). Em 2016, o apoio foi feito com duas transferências de R$ 2,8 milhões, uma para cada edição daquele ano.

Se comparado com os repasses feitos em 2015, de R$ 7 milhões, o apoio com verba pública da Prefeitura à SPFW neste ano cairá pela metade. Segundo a gestão Doria, apesar da redução do patrocínio, a exposição da Prefeitura nos dias de evento será ampliada nesta edição.

O termo de fomento que define o patrocínio público à SPFW é assinado com o Instituto Nacional de Moda e Design (In-Mod), organizador da semana da moda paulistana. Segundo a Prefeitura, o evento movimenta cerca de R$ 1,5 bilhão na cidade, parte dele resultante do público nacional e internacional calculado em 38 mil turistas que gastam cerca de R$ 85 milhões no município.

Cortes

Doria assumiu a Prefeitura em janeiro deste ano com um discurso de austeridade nos gastos públicos, como redução de 15% no valor de todos os contratos e 30% no número de cargos comissionados.

Os cortes, contudo, atingiram também as áreas sociais, como saúde e educação, que tiveram R$ 2,6 bilhões do orçamento congelados pelo tucano.

O prefeito também já anunciou a redução de mais de 50% no número de crianças atendidas pelo programa de distribuição de leite da Prefeitura, que cairá de 916 mil para 413 mil, e também no total de alunos beneficiados com o transporte escolar gratuito.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Beleza
Moda
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
Moda
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
UOL Estilo
do UOL
Moda
do UOL
do UOL
do UOL
Moda
Moda
UOL Mulher - Moda
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Band Terra Viva
FFW
Band Entretenimento
do UOL
TV CARAS
Folha de S. Paulo
do UOL
Folha de S. Paulo
UOL Mulher - Moda
Topo