Moda

Lucro da Adidas sobe 32% graças à Copa e à compra da Reebok

09/08/2006 05h16

Frankfurt (Alemanha), 9 ago (EFE).- O fabricante alemão de
artigos esportivos Adidas contabilizou no primeiro semestre do ano o
lucro líquido de ? 226 milhões (US$ 290 milhões), 32% a mais que no mesmo período de 2005.

Segundo a empresa alemã, o faturamento entre janeiro e junho
subiu 53%, para ? 4,9 bilhões (US$ 3,118 bilhões), em
comparação com os números dos seis primeiros meses do ano passado.

O volume de negócios inclui a receita da americana Reebook,
adquirida em agosto do ano passado a fim de reforçar a posição da
marca nos Estados Unidos. O objetivo é se aproximar do seu
concorrente direto e líder mundial no setor, a Nike.

A Adidas explicou que o aumento do lucro e do volume de negócios
se deve ao aumento das vendas em 60%, atribuído à Copa do Mundo, de
9 de junho a 9 de julho, na Alemanha.

O presidente da empresa, Herbert Hainer, considerou o resultado
"excelente".

O faturamento da Adidas, sem levar em conta a contribuição da
Reebok, subiu 19%, para ? 3,8 bilhões (US$ 4,879 bilhões).

O maior fabricante de artigos esportivos da Europa prevê para
2006 um aumento do faturamento de 40%. Em 2005 o volume de negócios
ficou em ? 6,6 bilhões (US$ 8,474 bilhões).

O lucro líquido deve chegar a cerca de ? 500 milhões (US$
642 milhões), contra ? 383 milhões (US$ 491 milhões) em 2005.

Na Bolsa de Frankfurt, as ações da Adidas, que cotam no índice
DAX 30, abriram com alta de 1,6%, para ? 36,25.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
do UOL
do UOL
ANSA
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Ana Aoun
do UOL
do UOL
Estadão Conteúdo
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Mulher - Moda
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Ana Aoun
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo