Moda

London Fashion Week inicia desfiles de olho nas Olimpíadas de 2012

Ramón Abarca

16/09/2011 17h01

Londres, 16 set (EFE).- A London Fashion Week, uma das passarelas mais vanguardistas do mundo, começou nesta sexta-feira com propostas de 70 estilistas para a coleção primavera/verão de 2012, justamente quando Londres estará no centro das atenções com a realização das Olimpíadas.

Realizada pelo segundo ano consecutivo na Somerset House, um impressionante palácio do século 18, a London Fashion Week é conhecida por revelar novos talentos, que, em sua maioria, são alunos das prestigiadas escolas de arte de Londres, como a mítica Central Saint Martins.

Os organizadores e participantes deste evento, que buscam firmar suas tendências em nível global, possuem esse ano uma temática em comum: os Jogos Olímpicos, que será realizado entre os meses de julho e agosto, em Londres.

"Em 2012, os olhos do mundo todo estarão focados em nós e queremos aproveitar essa chance para mostrar a todos que o Reino Unido é uma força líder na esfera criativa global", afirmou Harold Tillman, presidente do Conselho de Moda Britânica, em comunicado emitido nesta sexta-feira.

A London Fashion Week, que será realizada até 21 de setembro, começou com dois desfiles: o turco Bora Aksu e o irlandês Paul Costelloe. No entanto, o momento mais esperado desta edição acontecerá amanhã, quando o americano Tom Ford apresenta sua segunda coleção feminina.

  • Suzanne Plunkett/Reuters

    Modelo desfila look de Bora Aksu na semana de moda de Londres


Além da busca pela inovação, a semana de moda londrina também se destaca por suas irreverentes figuras, como a rebelde Viviene Westwood, o consagrado Paul Smith e a célebre Stella McCartney.

No entanto, nesta edição de setembro, os críticos observarão de perto, principalmente, os desenhos de Alistair Carr. Após sua passagem por Balenciaga, o renomado artista volta a casa para criar a coleção da centenária marca escocesa Pringle.

Ao contrário das semanas de moda em Nova York e Milão, uma das principais características da London Fashion Week é o foco na criatividade e não somente na indústria.

O estilista espanhol Emilio de la Morena, estabelecido em Londres e que há três anos desfila nesta passarela, explicou à Agência Efe que "aqui insistimos no novo, por isso acho que é mais fácil começar em Londres que em outros lugares, onde se necessita de muito mais dinheiro".

Para De la Morena, que apresentará sua coleção inspirada nas cores e sabores do México, outra característica da semana de moda londrina é o interesse nos desenhos. "Aqui se aposta mais no estilista do que nas assinaturas", completou.

A partir dos anos 1990, Londres se transformou em uma grande potência da moda mundial, destacando nomes como Alexander McQueen, Julien Macdonald e Hussein Chalayan.

No entanto, os especialistas lamentam que a capital britânica não tenha se consolidado como uma das grandes praças da indústria, como ocorreu com Milão, Paris e Nova York. Mesmo assim, a moda no Reino Unido gera trabalho para mais de 1,3 milhões de pessoas.

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Moda
Moda
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
do UOL
Topo