Moda

Sommer mistura África, Jamaica e streetwear em desfile dentro da floresta carioca

Publius Vergilius/UOL
Sommer faz desfile na floresta e cria país imaginário Imagem: Publius Vergilius/UOL

CAROLINA VASONE
Enviada especial ao Rio

07/06/2006 14h42

A marca Sommer meteu fotógrafos, cinegrafistas, jornalistas e compradores no meio da mata do Horto (dentro da floresta da Tijuca) para apresentar sua coleção de estréia no Fashion Rio, na manhã desta quarta (7).



À bordo de grandes jipes em tom de verde-exército, com direito a motorista com camisa cáqui e a inscrição "SMMR (Sommer) Safari" nas costas, os convidados partiram rumo ao desconhecido território da "Sommerland". Este é o nome do país inventado pela estilista Thais Losso e sua equipe, e inspiração das roupas do verão 2007 da grife.



No meio da floresta, pipocavam "cenas" com o espírito da coleção: cavalos artificiais em tamanho real com crinas supercoloridas em cores de azul royal e pink, garotos de tênis em tons fluorescentes de verde, amarelo e rosa, camisas e vestidos supercoloridos com referências à Jamaica e à África negra, num streetwear divertido que marca o estilo de Losso.



Dentro dos veículos, os passageiros torciam o pescoço em busca de um "raio x" dos habitantes da "Sommerland". Diretora da apresentação, a fotógrafa Mari Stockler previu, no entanto, dois momentos de desfile, para que as roupas pudessem ser analisadas com mais calma. No primeiro deles, uma espécie de pracinha fez as vezes da passarela, onde apareceram as diversas e coloridas estampas em tie-dye, bichos e máscaras africanas, jeans com aspecto desgastado e bordados, vestidinhos muito, muito curtos, assim como macaquinhos estilo jardineira. Por baixo das saias rodadas godês, bermudas de lycra estampadas pontuaram muitos dos looks.



Num segundo momento, já na chamada "Vista Chinesa", no alto do Horto, o mirante com uma construção ao estilo chinês no centro serviu de palco para o artista Ding Dong embalar com sua música "dub" jamaicana a apresentação da segunda parte da coleção, com ainda mais elementos africanos, abusando dos tons desgastados, principalmente o verde exército, e as estampas de bichos, como onça e zebra, misturadas ao jeans.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
do UOL
do UOL
Opiniões Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo