Moda

Após alarde na internet, Renner retira peças com alusão neonazista de lojas

Montagem/UOL
Comunicado da Renner enviado à imprensa e colocado no Twitter; e "patch" similar ao usado em moletom vendido pela loja de departamento Imagem: Montagem/UOL

Da Redação

16/03/2011 13h17Atualizada em 03/03/2015 14h20

A loja de departamento Renner anunciou nesta quarta-feira (16) que retirará de todos os seus estabelecimentos as peças da linha Blue Steel (uma das oito marcas trabalhadas pela Renner) que fazem alusão à banda neonazista Skrewdriver.

O alarde surgiu na internet na segunda-feira com foto postada no Twitter, por um jornalista carioca, de uma blusa de moletom cinza com um aplique bordado – os famosos “patchs” – com o logo da banda, composto por uma águia e duas letras S sobrepostas, lembrando a Schutzstaffel, grupo paramilitar criado pelo regime de Adolf Hitler, apelidado de SS. A foto, da peça na arara, ganhou repercussão nas redes sociais e blogs.

Em comunicado oficial, a Renner lamentou o ocorrido e disse reafirmar “seu compromisso de sempre repudiar qualquer tipo de discriminação”. Antes de falar à imprensa, a empresa já havia se manifestado no Twitter.

"A Renner conta com mais de mil fornecedores e produz milhares de estampas. Por maiores que sejam nossos controles, lamentamos o fato ocorrido", disse a empresa no microblog.

Os produtos da Skrewdriver são facilmente encontrados em sites neonazistas, como o mantido em homenagem ao britânico Ian Stuart, vocalista da banda. O grupo, criado em 1976, foi um dos principais representantes, na música, do movimento "white power". Uma de suas primeiras músicas gravadas, "Street Fight", pedia a morte dos comunistas e exaltava os skinheads: "Os vermelhos vão perder seu poder, os skinheads vão dar o tom (...)/ O orgulho de ser um homem branco, indo atrás do sangue comunista", diz a letra.

Pouco antes das 15h, a Renner afirmou que todos os casacos estampados com o "patch" já haviam sido retirados das araras.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
do UOL
Ana Aoun
do UOL
UOL Mulher - Moda
AFP
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
do UOL
do UOL
ANSA
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Ana Aoun
do UOL
do UOL
Estadão Conteúdo
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Mulher - Moda
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
AFP
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo