Moda

Madonna e Gucci geram polêmica em evento de ajuda a órfãos

Brainpix
A cantora Madonna durante o evento Imagem: Brainpix

07/02/2008 17h50

Por Michelle Nichols

NAÇÕES UNIDAS (Reuters) - A popstar Madonna foi anfitriã de um evento repleto de celebridades promovido na quarta-feira no gramado da sede da ONU em benefício dos órfãos do Malauí e do Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância). A cantora também causou polêmica ao inaugurar uma nova loja Gucci.

Os atores Tom Cruise, Katie Holmes, Demi Moore, Ashton Kutcher, Drew Barrymore, Gwyneth Paltrow e Jennifer Lopez, esta grávida, estiveram entre os muitos astros e estrelas de um jantar que, segundo o executivo-chefe da Gucci, Mark Lee, já levantou 3,7 milhões de dólares.

Mas críticos fizeram objeções ao uso da sede da Organização das Nações Unidas (ONU) para divulgar a abertura de uma loja Gucci e levantaram preocupações sobre ligações entre a organização beneficente de Madonna, Raising Malawi, e The Kabbalah Centre, entidade dedicada a uma forma mística de judaísmo da qual a popstar é devota.

Formuladas principalmente por blogueiros, as acusações parecem derivar do fato de que o fundador da Raising Malawi, Michal Berg, é também co-diretor do Kabbalah Centre.

"Não dou atenção a isso", disse Madonna à Reuters. "Fico grato pelo fato de a Gucci ter financiado este evento. Isso é tudo o que importa para mim: a generosidade dela. Sempre há controvérsia em torno de tudo que envolve transformações", disse.

"Quero colocar a Raising Malawi no mapa. Quero credibilidade como organização filantrópica. Quero inspirar pessoas. Não quero que elas apenas me dêem um cheque: quero que me dêem um pedaço de seu coração."

Philipe van den Bossche, diretor-executivo da Raising Malawi, disse que "é absolutamente inverídico" que qualquer dinheiro levantado beneficiaria o Kabbalah Centre. Ele disse que a organização é registrada, sem fins lucrativos e não sectária, tendo por objetivo dar apoio a órfãos e crianças vulneráveis no Malauí.

Uma tenda enorme foi montada no gramado da ONU para o evento, e a segurança foi reforçada. Alicia Keys, Timbaland e Rihanna fariam uma apresentação, e o comediante Chris Rock iria leiloar eventos com celebridades, como uma aula de aeróbica com Madonna e um treino de beisebol com Alex Rodriguez, dos Yankees.

Apesar de ter anunciado o evento de levantamento de fundos em novembro como comemoração da abertura de uma nova loja Gucci em Nova York, Lee disse na quarta-feira que "é coincidência estarmos por aqui e inaugurarmos uma loja importante na sexta-feira".

"O evento desta noite diz respeito às organizações beneficentes e o dinheiro que estamos levantando", afirmou ele à Reuters, enquanto a diretora criativa da Gucci, Frida Giannini, disse que o jantar era simplesmente "um evento para levantar fundos acrescido de glamour".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Opiniões Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
UOL Mulher - Moda
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo