Comportamento

Turbante arrancado e banho de cerveja: mulher narra ataque racista em festa

Reprodução/Facebook
Dandara publicou uma foto mostrando como estava no dia do evento Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

24/04/2017 16h48

A estudante Dandara Tonantzin Castro, de 23 anos, relatou em sua conta no Facebook ter sido vítima de racismo ao participar, como convidada, de uma festa de formatura em Uberlândia (MG), no último sábado (22). Ao surgir usando um vestido branco e um turbante dourado na cabeça, ela conta que acabou sendo alvo de constrangimento e violência por conta do acessório.

Dandara, que atua no Conselho Nacional de Promoção da Igualdade Racial (CNPIR), explica na postagem que, desde o início da noite, sentiu que seu visual era alvo de olhares incomodados, mas que os vários elogios a acalmaram. "Quase no fim da festa, já do lado de fora, um cara branco puxou meu turbante forte. Disse para ele soltar e saí", explica.

No entanto, ela conta que, quando passou sozinha pelo mesmo homem, ele puxou o acessório pela segunda vez. "Fiquei tão brava que gritei para não tocar no meu turbante. Ele acenou para os amigos virem e, quando juntaram em uma rodinha, um deles puxou o turbante da minha cabeça e jogou no chão". Ela diz que, ao recolher a peça, "incrédula do que estava acontecendo", os homens jogaram cerveja nela.

"Fiquei cega e sai desesperada para achar meus amigos. Sabia que se ficasse ali poderia até ter mais agressões físicas", explica. Dandara relata que, imediatamente, os seguranças foram chamados e eles logo tiraram a pessoa que estava causando confusão da festa. "Um deles teve a cara de pau de falar ao segurança que não meu agrediu, "só tirei aquele turbante da cabeça dela"", escreveu.

As namoradas dos homens que causaram a confusão, segundo ela, queriam que Dandara também fosse expulsa da festa, o que não aconteceu. "Quando fui no banheiro, ainda tive que ouvir ameaças indiretas, sobre me bater e outras coisas terríveis que não consigo nem dizer aqui. Fomos os últimos a sair por medo de fazerem alguma coisa conosco do lado de fora", contou, antes de dizer: "Negros na formatura? Na limpeza, segurança ou servindo".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
do UOL
UOL Estilo
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Redação
Redação
Redação
UOL Estilo
Redação
Comportamento
BBC
Redação
Comportamento
Redação
BBC
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Comportamento
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Redação
Topo