Estilo de vida

7 dicas para deixar de dizer 'sim', quando você quer dizer 'não'

iStock
Tem como dizer 'não' e fazer isso sem se tornar antissocial Imagem: iStock

Carolina Prado e Gabriela Guimarães

Colaboração para o UOL

25/09/2017 04h00

Quantas vezes, na última semana, você falou “sim” querendo dizer “nem pensar”? Acontece com todos nós, em graus diferentes: cedemos aos pedidos do chefe, do parceiro, da mãe e dos amigos, mesmo querendo se opor. Há um porquê: “Precisamos nos sentir amados, adequados e capazes. Aceitamos situações e condições para suprir essas carências. Temos medo da rejeição e da solidão”, fala a psicóloga Sharon Feder. Só que dizer “não” é benéfico para a gente, porque respeita os nossos sentimentos. E tem como fazer isso sem se tornar antissocial. Veja as dicas das especialistas

1. Fale sozinho

Quando estiver com a mente desocupada – no trânsito, no chuveiro, na esteira da academia – pense em situações em que gostaria de dizer “não”. Pode pirar nos cenários: desde um convite para almoçar em um lugar que você não quer, até coisas mais complexas, como mudar de emprego. E repita para si: “Não, não quero”. Aos poucos, isso vai te treinando para sentir-se mais seguro a recusar situações com as quais não concorda.

2. Chame um amigo para um faz de conta

Depois que já imaginou umas situações sozinho, chame uma pessoa, com quem tem intimidade, e faça uma encenação com ela. Ela te faz um convite ou pedido e você recusa, naturalmente. Pode parecer loucura este teatro, mas as especialistas explicam que, ao encenar esses momentos, é como se já estivessem acontecendo, o que ajuda a diminuir a ansiedade.

3. Anote os sapos que engole

Todos os dias escreva as situações que ocorrem e que você gostaria de ter recusado, mas acabou aceitando. Pode ser em um caderno, em post-its pela casa, lembretes no celular com alarme… Essas anotações devem te ajudar a, na próxima vez, lembrar de se posicionar.

4. Evite se desculpar tanto

Pedir desculpas após dizer “não” é sinal de desconforto ou insegurança. A princípio, não precisa eliminar a palavra do vocabulário, mas ajuda se começar a falar menos. Por exemplo, você não precisa se desculpar por preferir almoçar em um restaurante diferente da maioria dos colegas, mas pode se justificar por não conseguir absorver o trabalho do seu par na empresa.

5. Dê mais valor para o lado racional

Muitas vezes, a pressão social nos leva a dizer “sim” sem que tenhamos tempo de analisar. Por exemplo, seus amigos ligam convidando para uma balada, mas você precisa acordar cedo no dia seguinte para uma reunião importante. Vai aceitar, para ficar de boa com a galera, ou arcar com o prejuízo do cansaço no dia seguinte?

6. Não responda imediatamente

Sempre que alguém fizer uma proposta, evite responder na hora. Peça para ver a agenda, diga que vai analisar e ligar em seguida. Neste meio tempo, você consegue pensar sobre as suas motivações e ficar mais seguro para recusar, se for o caso.

7. Tenha um repertório de respostas

Já que você está treinando para dizer “não”, uma boa ideia é ter algumas respostas prontas na manga. Aí, quando for solicitado a fazer algo que não quer, pode acionar o seu repertório. Alguns exemplos: “Não posso me comprometer com isso agora”; “Tenho outras prioridades no momento”; “Poderia aceitar seu convite na semana que vem”; “No momento, não consigo”.

FONTES: Ariane Miessi, psicóloga clínica. Paula Emerick, psicóloga e terapeuta de família. Sharon Feder, psicóloga. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Estilo de vida

Topo