Estilo de vida

Em menor número nos palcos, mulheres roubaram a cena no Rock in Rio 2017

Do UOL

25/09/2017 10h09

As mulheres brilharam (e muito) nesta última edição do Rock in Rio e deram seu recado em forma de música e carisma. Apesar de um desfalque de peso com a ausência de Lady Gaga e da enorme desvantagem em relação aos artistas do sexo masculino, a edição 2017 foi um verdadeiro baile das meninas.

Relembre alguns momentos:

Mamãe no palco

Rudy Trindade/Framephoto/Estadão Conteúdo
Imagem: Rudy Trindade/Framephoto/Estadão Conteúdo

Ivete Sangalo deu o pontapé inicial no festival com um show inesquecível pelo pique e brasilidade que todo mundo já conhece. O que deixou o público ainda mais apaixonado foi a revelação de que a cantora está grávida de duas meninas e a homenagem ao filho Marcelo.

Lacre duplo

Luciano Belfort/AGIF
Imagem: Luciano Belfort/AGIF

Foi arraso em dose dupla. Fergie trouxe para o festival um álbum novinho e uma performance animada para os fãs do pop. Porém, foi Pabllo Vittar quem, pelo segundo dia seguido, mostrou que seria um dos principais destaques do festival.

Política no microfone

Luciano Belford/AGIF
Imagem: Luciano Belford/AGIF

Carismática, a cantora americana Alicia Keys apresentou voz poderosa, performance hipnotizante e consciência política ao levar para o palco a líder indígena Sônia Guajajara fazer um discurso a favor da demarcação de terras na Amazônia.

Musa da guitarra

Marco Antonio Teixeira/UOL
Imagem: Marco Antonio Teixeira/UOL

Na segunda parte do festival, em uma banda com cinco homens - entre eles a lenda do rock Alice Cooper - e no palco Sunset, a guitarrista Nita Strauss mostrou como se toca o instrumento “como uma garota”. Potente, virtuosa, linda... não tem como economizar em elogios para a maior “rocker” do Rock in Rio.

Tombei

Rodrigo Chadí/ FotoArena/ Estadão Conteúdo
Imagem: Rodrigo Chadí/ FotoArena/ Estadão Conteúdo

Em mais um show do palco Sunset, a voz feminina teve a sua vez e não perdeu a oportunidade. Ao lado da banda colombiana Bomba Estéreo, Karol Conka surgiu linda, leve e...pink para agitar o público com rimas, discursos e protestos pela diversidade e pelo amor.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Mais Estilo de vida

Topo