Vida saudável

5 atividades físicas que queimam até mil calorias em uma hora

iStock
Imagem: iStock

Helô Oliveira

Colaboração para o UOL

05/10/2016 18h54

As modalidades listadas a seguir não só queimam de 800 a mil calorias, dependendo da intensidade da aula, como também proporcionam definição muscular e condicionamento físico. Você pode praticá-las independentemente do seu nível de aptidão física, desde que siga algumas orientações --já que estas são aulas que exigem bastante do corpo.

"Para evitar uma sobrecarga com risco de lesões musculares, o ideal é repousar por um dia. Minha dica seria intercalar atividades igualmente intensas, mas que trabalhem grupos musculares diferentes. Por exemplo, fazer spinning de segunda, quarta e sexta, e, de terça e quinta, investir na musculação com foco nos membros superiores”, aconselha Luiz Riani, médico do esporte do laboratório Delboni Auriemo, em São Paulo.

Outro ponto importante, segundo Riani, é saber respeitar seus limites individuais. "Se for praticar uma atividade coletiva, como a zumba, é fundamental fazer parte de um grupo que esteja no mesmo nível que você." Animou? Então, a seguir, escolha sua atividade favorita e já para a academia:

5 treinos para queimar mil calorias

  • Imagem: iStock
    iStock
    Imagem: iStock

    Zumba

    Animação é a palavra de ordem em uma aula de Zumba. A modalidade, que mescla diversos ritmos, como salsa, merengue e reggaeton, trabalha tanto a parte aeróbica quanto a resistência dos músculos. "A Zumba é um treino intervalado, disfarçado de dança. Usamos coreografias com ritmos rápidos e lentos para criar uma atividade divertida e eficaz", explica a professora Camila Belluomine, da rede de academias Bio Ritmo, de São Paulo. Em uma hora, você manda o estresse para longe e trabalha o corpo todo, principalmente glúteos, pernas e membros superiores, incluindo a região abdominal. A melhor parte? A aula pode ser feita por pessoas com qualquer nível de condicionamento.

  • Imagem: iStock
    iStock
    Imagem: iStock

    Squash

    Considerado o esporte mais completo do mundo, segundo a revista "Forbes", o squash trabalha agilidade, flexibilidade, força, resistência muscular e cardiorrespiratória, coordenação motora e equilíbrio ao mesmo tempo em que garante risco mínimo de lesões. "Por ser um jogo de movimentos rápidos, a velocidade de raciocínio e os reflexos também são desenvolvidos", acrescenta Renato Gallego, treinador da seleção brasileira de squash e tutor em treinamento de técnicos de squash da World Squash Federation. A atividade é ótima para quem quer tonificar braços, pernas, ombros, glúteos e abdômen. É recomendável usar óculos de proteção e tênis apropriado para ter estabilidade na quadra.

  • Imagem: iStock
    iStock
    Imagem: iStock

    MMA

    Se você teve um dia supercorrido e estressante, liberar a adrenalina acumulada com chutes e socos pode ser um bom remédio. O MMA (Mixed Martial Arts ou Artes Marciais Mistas, em português) mistura diversas técnicas de luta, como muay thai, judô e boxe, e promete recrutar braços, pernas e CORE --conjunto de músculos que dá sustentação à coluna, como abdômen e glúteos-- intensamente. "O segredo para queimar mais de mil calorias está justamente nesse mix de técnicas", revela o educador físico Rafael Reis, da rede de academias Just FIT, de São Paulo. Além de tonificar os músculos e desenvolver força, agilidade e pensamento tático, a atividade é uma boa opção para quem também busca uma forma de defesa pessoal.

  • Imagem: iStock
    iStock
    Imagem: iStock

    Ciclismo indoor

    A aula é tão animada que tem clima de balada: música alta e até luzes piscando, dependendo da academia. Em uma hora, você experimenta mudanças de intensidade e movimentos de subida e descida, como se estivesse em meio à natureza. A grande vantagem da modalidade é unir o melhor do cardio ao treino de resistência. Enquanto você pedala, o instrutor propõe exercícios com halteres e faixas elásticas para turbinar o condicionamento. "O segredo é manter a frequência cardíaca lá em cima na maior parte da aula", explica o instrutor Fábio Lima, do Studio Velocity, em São Paulo. Resultado? Consciência corporal, coordenação motora e fortalecimento de pernas, glúteos, abdômen, ombros, braços e costas.

  • Imagem: iStock
    iStock
    Imagem: iStock

    CrossFit

    O esporte criado nos Estados Unidos na década de 1990 envolve conceitos de atletismo, ginástica olímpica e levantamento de peso para melhorar a resistência aeróbica, a força, a potência, a coordenação e o equilíbrio. Ele trabalha vários grupos musculares ao mesmo tempo e propõe uma grande variação de movimentos em sequência, sem pausas. Com isso, membros superiores, inferiores e CORE são ativados o tempo todo --em alguns treinos, a carga de trabalho é o peso do próprio corpo. É uma excelente atividade para pessoas competitivas ou que buscam se sentir mais confiantes, uma vez que os limites do corpo e da mente são testados a todo o momento. ?Certifique-se de que você tem um bom preparo articular e muscular para não correr o risco de sofrer lesões. Caso seja iniciante, não se preocupe, seu professor irá adequar a intensidade e quantidade de exercícios de acordo com a sua capacidade?, explica Reis, da Just FIT.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
BBC
do UOL
Estilo
do UOL
Estilo
Redação
Estilo
UOL Especiais
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
Redação
do UOL
do UOL
do UOL
Redação
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
Topo