Alimentação

UOL Ciência e Saúde testa produto que promete fritar batata sem óleo

Thamires Andrade

Do UOL, em São Paulo

24/01/2012 07h00

Comer batata frita sem enfrentar o fantasma do colesterol ruim e dos quilos a mais é o sonho dourado de qualquer pessoa que se preocupa com saúde e boa forma. Por isso, o UOL Ciência e Saúde decidiu testar a fritadeira AirFryer, da Phillips Walita (Preço sugerido: R$ 1.099). Com uma tecnologia que usa circulação de ar quente para preparar os alimentos, o aparelho tem como apelo a possibilidade preparar o petisco com o mínimo de óleo. O resultado? Um prato saudável, mas bem diferente daquele que se come em lanchonetes.

  • A fritadeira é simples de usar e exige quantidade mínima de gordura, mas o sabor e a consistência da batata diferem daquela que é frita no óleo

Simples de manusear, a fritadeira tem um manual rápido que explica as principais funções. Para usá-lo é preciso puxar a gaveta, colocar o alimento no cesto, meia colher de sopa de óleo para garantir o aspecto crocante e selecionar a temperatura de acordo com o alimento escolhido.

O equipamento também permite descongelar alimentos e, segundo o fabricante, até fazer doces, como brownies e cupcakes. Um livro de receitas explica como preparar as receitas na fritadeira, o tempo de preparo e as calorias de cada sugestão.

O tempo máximo de preparação é 30 minutos, e é possível abrir a bandeja para acompanhar se o alimento está ficando com o aspecto desejado.

Resultado

A batata frita ficou pronta em apenas 15 minutos, sem provocar cheiro ruim, nem aquela sujeira típica de quem faz fritura. E as peças são fáceis de limpar - podem ser colocadas até na máquina de lavar louça.

Mas o sabor e a consistência da batata preparada no aparelho diferem daquela que é frita no óleo. O resultado final é uma batata que parece ter sido feita no forno.

O veredito? Ainda que o sabor deixe a desejar, o aparelho é uma opção para quem deseja preparar diversos alimentos com rapidez e pouquíssima gordura. Mas não dá para ter a ilusão de obter um alimento similar ao mergulhado em óleo quente.

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
do UOL
Blog Bella Falconi
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Bella Falconi
Estilo
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
Blog Bella Falconi
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
Estilo
Estilo
do UOL
Redação
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
TV e Famosos
do UOL
do UOL
do UOL
Redação
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Comidas e Bebidas
UOL Comidas e Bebidas
do UOL
Estilo
RedeTV! Entretenimento
Topo