Vida saudável

Viver com menos inspira debate sobre consumo racional na Virada Sustentável

Ricardo Matsukawa/UOL
Roda de conversa "viver com menos" debateu sobre estilo de vida consciente no segundo dia da Virada Sustentável 2016 Imagem: Ricardo Matsukawa/UOL

Ana Elisa Faria

Colaboração para o UOL, em São Paulo

27/08/2016 03h11

Consumir apenas o necessário, trocar, ter mais tempo para cultivar as relações e voltar a vivenciar atividades simples, porém, prazerosas. Essas foram algumas questões discutidas na roda de conversa "viver com menos", que ocorreu na noite desta sexta-feira (26) no CEU Butantã, durante a Virada Sustentável 2016.

O evento, promovido pelo coletivo Imagina, cujo propósito é ativar o potencial transformador das pessoas para que cada uma ajude a deixar o mundo melhor, teve participação de Marina Colerato, 29, fundadora do site Modefica, focado, principalmente, no feminismo e na moda consciente.

Ao abrir o papo, Marina pediu para que o público, composto de jovens, não olhasse para o [ter] pouco de forma negativa. "O menos dá espaço para você ser mais como indivíduo. Somos muito mais do que as coisas que temos", disse.

A fala chegou a emocionar uma das participantes. "O mundo hoje está tão corrido que tentamos suprir a falta de tempo comprando um brinquedo caro, uma roupa cara. Mas falta o básico, a essência das coisas", afirmou a estudante Lívia da Silva Mota, 31, que tem filhos de seis e dois anos. 

Ricardo Matsukawa/UOL
Participantes do debate colam lambe-lambes com frases inspiradoras sobre o tema "viver com menos" Imagem: Ricardo Matsukawa/UOL

Ela se lembrou da infância simples, mas feliz. "Eu brincava na rua com os meus amigos, contando as pedrinhas do chão e me divertia assim. Hoje, meus filhos já mexem no smartphone, no tablet. Então, ouvir sobre o menos, me deu um empurrão para tentar fazer diferente. Percebi que ainda há tempo de proporcionar a eles coisas mais leves, como jogar queimada ou fazer um piquenique no parque Villa-Lobos, por exemplo".

Muitos dos presentes compartilharam experiências relacionadas ao universo sufocante do consumo desenfreado e das questões relacionadas ao ter [objetos, acessórios, automóveis...] antes do ser [alguém].

Larissa Dionísio, 26, membro do Imagina, encerrou o encontro, que aconteceu em uma sala de aula, com uma pergunta: "como dar o primeiro passo para mudar essa situação?". Ela acredita que cada um pode fazer o seu melhor, do seu jeito, para chegar a um estilo de vida consciente.

Ao fim do debate, os participantes colaram lambe-lambes em paredes do centro educacional da zona oeste com dizeres inspiradores, como "menos coisas, mais pessoas", "viver com menos te faz mais" e "essência maior do que aparência".

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
Redação
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo