Alimentação

Sucesso entre as famosas, chá de hibisco é perigoso se consumido em excesso

Melissa Diniz

Do UOL

15/12/2016 07h00

Bruna Marquezine e Fernanda Souza estão entre as famosas que já declararam usar o chá de hibisco para manter a boa forma. A bebida desbancou o chá verde e ganhou a preferência de quem quer emagrecer e perder a barriga, chegando, muitas vezes, a ser tomado no lugar da água pelos frequentadores de academias.

Mas é preciso cuidado, pois seu consumo exagerado pode fazer mal à saúde: o hibisco é vasodilatador e pode abaixar a pressão, causando tontura e sensação de fraqueza. Por isso, nem todo mundo pode consumi-lo. “Não há estudos com gestantes, então, por precaução, elas não devem bebê-lo”, explica Vivian Ragasso, nutricionista esportiva do Instituto Cohen, em São Paulo.

Embora haja poucas pesquisas de relevância científica sobre a planta, já se sabe que o chá ajuda a combater a retenção de água no organismo. “É preciso preparar corretamente, colocando uma porção das flores desidratadas na água fervendo, deixar descansar por dez minutos e coar antes de beber. Nunca se deve substituir o consumo de água pelo de chá”, afirma Vivian.

Arma contra a gordura
De acordo com Ana Luisa Vilela, médica especialista em nutrição clínica e obesidade, o chá de hibisco é um ótimo antioxidante e também tem ação termogênica, ou seja, ajuda a queimar calorias e ainda impede a formação de novas células de gordura. Por isso, se usado com moderação, pode se tornar uma arma interessante para quem quer emagrecer. “A quantidade recomendada é de cerca de três xícaras por dia, sem exagero. É preciso lembrar que chá também é remédio e o excesso pode ser nocivo”, diz.

Ana Luisa afirma que um dos pontos positivos do consumo de qualquer tipo de chá é o aumento a ingestão de água. “Quem não toma água tem mais dificuldade para queimar gordura, pois para combater radicais livres é preciso estar bem hidratado.”

A médica lembra que emagrecer não significa perder peso na balança e, sim, substituir a gordura por massa magra. Para isso, cuidar da alimentação e fazer exercícios físicos é fundamental. “O chá sozinho não funciona, é apenas um complemento”.

Dificuldade de controle

Getty Images
Imagem: Getty Images

“O maior problema das ervas e plantas medicinais é que, mesmo recebendo o registro na Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), não há um controle e origem e apresentação. Cada fabricante vende de um jeito e isso muda a concentração das substâncias químicas que o produto possui", diz Maria Edna de Melo, doutora em Endocrinologia pela USP (Universidade de São Paulo) e diretora da ABESO (Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica). "Se não sabemos direito o que estamos tomando, pode ser perigoso."

Ela afirma ainda que nenhum fitoterápico possui evidência científica que justifique sua recomendação para perda de peso.

Alguns estudos internacionais relacionam o hibisco ao combate da hipertensão, redução do colesterol e até à diminuição da fertilidade. “Essas pesquisas são feitas com animais e costumam ser publicadas em revistas de menor relevância científica. Normalmente, elas avaliam o uso do extrato da planta, que é mais concentrado do que as flores secas, por isso, os resultados não são tão confiáveis”, explica Maria Edna.

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
Blog Bella Falconi
do UOL
Blog Nutrição sem neura
do UOL
Blog Bella Falconi
Blog Nutrição sem neura
Blog Bella Falconi
do UOL
Blog Bella Falconi
Agência Estado
Blog Bella Falconi
do UOL
do UOL
Blog Bella Falconi
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Bella Falconi
Estilo
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
Blog Bella Falconi
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
Estilo
Estilo
do UOL
Redação
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
TV e Famosos
Topo