Vida saudável

Musculosa, ex-BBB diz: "Acho mais bonito o corpo de uma mulher magra"

Reprodução/Instagram
Tatiana em foto recente Imagem: Reprodução/Instagram

Vivian Ortiz

Do UOL, em São Paulo

Quem assistiu o "BBB4" certamente se lembra de Tatiana Giordano Rebano, a lutadora de boxe que foi para o paredão após uma ruidosa briga com outra concorrente e acabou eliminada da atração logo na primeira semana. Passados 14 anos, muita coisa mudou na vida dela: casou, teve uma filha e remodelou completamente o corpo, exibindo bem mais músculos do que naquela época.

"Confesso que acho mais bonito uma mulher magra, mas para mim não importa o que meu corpo parece, mas sim as coisas que consigo fazer com ele", explica em entrevista ao UOL. Isso porque, na visão da ex-BBB, não vale treinar apenas pela questão estética, mas para seguir um estilo de vida saudável. "Essa massa muscular toda me traz muitos benefícios, entre eles disposição e mobilidade", ressalta.

Divulgação e Reprodução/BBB
Tatiana na época do BBB4 e como está atualmente Imagem: Divulgação e Reprodução/BBB

Apesar de estar feliz com a própria forma física, a ex-BBB reconhece que as pessoas ainda estranham bastante, especialmente as crianças. "Elas olham e ficam meio na dúvida, pois minha aparência é de mulher, mas sou tão forte quanto um homem", conta. "Já nem me ofendo com isso, pois se um bichinho tão inocente quanto uma criança tem esse sentimento, como vou poder criticar um adulto?", questiona.

Muitos quilos na gravidez

Tatiana explica que sua transformação corporal começou por conta da gravidez de sua única filha até o momento. Roxy atualmente está com cinco anos. "Fui obrigada a diminuir o ritmo intenso de meu treinamento, mas não mudei a alimentação. Fui bem até o sétimo mês, mas no final acabei engordando 30kg", conta.

Reprodução/Instagram
Tatiana posa com o marido e a filha, a pequena Roxy Imagem: Reprodução/Instagram

Após ter o bebê, no entanto, em seis meses ela conseguiu eliminar todo o peso ganho durante o período. Para Tatiana, esse emagrecimento tão rápido aconteceu, entre outros fatores, por conta de seu grande estoque de massa muscular, adquirido durante os muitos anos de treinamento como atleta profissional de boxe.

"Isso me ajudou muito. Seis meses após o parto, eu já estava bem e era possível até ver os músculos de volta na minha barriga, pois não tinha mais gordura", conta. Como queria passar a competir no MMA, mas estava muito pesada--precisava perder mais de 10kg para se encaixar em alguma categoria--ela foi fazer crossfit. "Quando o dono da academia percebeu que eu treinava bem, me inscreveu em um campeonato e acabei me apaixonando pela modalidade", conta.

Chegar ao próprio limite

Satisfeita com o fato desse tipo de competição não ter categorias por peso, "pois pode treinar e comer", Tatiana começou a se dedicar. "Passei a participar de competições da modalidade e ainda montei uma academia. Vivo disso hoje em dia", explica. Em dois meses, ela pretende inaugurar uma outra unidade do negócio em São Paulo.

Reprodução/Instagram
A ex-BBB (de blusa rosa) participa de uma competição de crossfit Imagem: Reprodução/Instagram

De acordo com a ex-BBB, a proposta do crossfit é fazer com que que a pessoa chegue ao limite da fadiga em todos os treinos. "Mas, se eu for dar aula para um senhor de 70 anos, por exemplo, ele pode chegar ao seu limite fazendo 10 polichinelos. Já o mesmo exercício para quem é mais novo não é nada", ressalta.

"Muitas vezes, o aluno experimenta uma aula em um local que não individualiza o treinamento e acaba achando que a modalidade é muito pesada, mas não. O segredo é ir aos poucos", diz.

Não é só para os fortões

E Tatiana ainda garante mais: por ser uma preparação física, esse tipo de exercício seria ótimo para idosos, por exemplo. Tanto que sua mãe, de 65 anos, treina com ela. "O crossfit é específico para melhorar o indivíduo de uma maneira geral e fazê-lo conseguir desde carregar uma sacola na volta do mercado até a subir a escada para chegar na própria casa bem", ressalta.

Ela destaca que o crossfit costuma chamar atenção na internet por conta das chamadas "musas fitness", que publicam posts fazendo acrobacias ou levantando pesados pneus de caminhão. "Nem tenho isso na minha academia, pois faço uma leitura mais individualizada do cliente, adaptando os exercícios ao nível dele. Não adianta mandar o cara fazer o que está escrito na lousa, pois ele vem uma vez e não volta nunca mais", diz.

Por fim, Tatiana confessa que ela e o marido estão tentando ter um segundo filho. Mas ela não liga de ganhar tantos quilos como na primeira gravidez, perdendo o corpão conquistado a duras penas? "De jeito nenhum, pois faz parte. Vou vivenciando uma fase de cada vez, sem neurose. Quando acontecer, e se acontecer de eu ganhar tantos quilos de novo, corro atrás para perder", diz.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
Redação
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
Topo