Vida saudável

O que acontece com seu corpo se você comer dois ovos por dia?

Getty Images
Imagem: Getty Images

Anna Fagundes

Do UOL

17/06/2017 04h00

Ovos podem ter uma fama injusta por causa do colesterol, mas são uma excelente fonte de nutrientes. Incluí-los no almoço ou no jantar, como parte de uma dieta balanceada, pode fazer maravilhas para sua visão e para sua memória, por exemplo. Com o auxílio da nutricionista clínica Jéssica Berto, mostramos como e por qual razão você deveria incluir esse ingrediente no seu menu diário.

Ajuda a manter os músculos

Esse é um segredo que as pessoas que fazem musculação conhecem: a clara dos ovos contém leucina, um aminoácido que ajuda a manter os músculos. Essa substância é boa não só para quem quer ganhar massa muscular, mas também para reduzir a velocidade da atrofia muscular que acontece com a passagem dos anos. Porém, comer só as claras dos ovos, como fazem algumas celebridades fitness, não é exatamente uma boa ideia. Se por um lado isso reduz as calorias, por outro perde-se boa parte dos nutrientes presentes no ingrediente.

Memória mais afiada

Os ovos também são ricos em colina, uma substância que ajuda na ligação dos neurônios cerebrais. Com dois ovos ao dia, uma pessoa consome a quantidade necessária desse nutriente para turbinar sua memória.

Boa pedida para as grávidas (e para quem quer engravidar)

Ácido fólico é um dos nutrientes que toda mulher grávida ou que quer engravidar precisa consumir, para garantir a boa formação do feto. Ovos são um dos alimentos que contém a vitamina e devem fazer parte da dieta da gestante.

Seus olhos agradecem

A gema do ovo é rica em vitamina A e luteína, substâncias que ajudam na saúde dos olhos. A luteína, responsável pela cor alaranjada da gema, está presente nas nossas membranas oculares - e, de acordo com estudos recentes, ajuda a reduzir o risco de doenças como a degeneração macular.

Ossos e dentes mais fortes

Outro nutriente presente em abundância nos ovos é a vitamina D, que ajuda o corpo a absorver o cálcio de outros alimentos, auxiliando a fortalecer ossos e dentes.

Qual a melhor forma de comer?

A nutricionista recomenda que os ovos sejam consumidos preferencialmente cozidos ou pochê, para garantir todos os nutrientes. "Quando utilizamos os ovos como omelete, suflês ou em outras preparações, a tendência é aumentar as calorias com a adição de outros ingredientes", explica Jéssica.

Ovo frito vale?

Ele é uma delícia, mas é melhor maneirar no consumo. O maior problema do ovo frito é seu modo de preparo em gordura ou óleo. A sugestão da nutricionista para um ovo cozido com aparência e sabor de frito é, em uma frigideira antiaderente, adicionar um pingo de azeite ou óleo de coco e, na hora de quebrar o ovo, acrescentar algumas gotas de água e tampar a panela, até cozinhar o ovo.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Notícias
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo