Vida saudável

Já pensou em contratar um coach para emagrecer e engrenar na academia?

Getty Images
Imagem: Getty Images

Gabriela Guimarães e Rita Trevisan

Colaboração para o UOL

30/06/2017 04h00

Já fez dieta por conta, tentou nutricionistas, endocrinologista, mas depois voltou a engordar? Talvez você possa obter resultados mais duradouros com um coach de emagrecimento, um profissional especialista em fazer as pessoas manter os hábitos, adquiridos na fase da dieta, para o resto da vida.

Ao longo das sessões (no mínimo 10), o coachee – como é denominado o cliente do coaching – será provocado a mergulhar em um processo de autoconhecimento, cujo objetivo principal é mudar a sua relação com a comida.

A estudante Isadora Machado, de 18 anos, buscou o coaching depois de diversas tentativas frustradas para emagrecer e manter o peso. E, em três meses, perdeu 9 quilos. No coaching, ela descobriu que comia por emoção e não por fome. “Eu comia muito, mas me alimentava pouco, e foi preciso investir em novos hábitos”, afirma.

Reconhecimento de erros

De acordo com a psicóloga Elaine Lopes, Master Practitioner em PNL e coaching sistêmico e especialista em transtornos alimentares e obesidade, o coaching atua como uma espécie de observador externo, que identifica quais são os comportamentos sabotadores da pessoa e que impedem de alcançar sua meta de emagrecimento. A ideia é promover mais consciência sobre os erros que está cometendo.

A questão da compulsão alimentar também é abordada. “Assim como a diferença entre fome física e emocional”, diz a psicóloga Maria Angélica Sadir, especializada em terapia cognitivo-comportamental, mestre em Ciências Médicas, que também atua como coaching.

Como funciona

A ideia é que, juntos, coaching e coachee estabeleçam um plano de ação. "A pessoa deve ter uma visão clara do que precisa fazer para atingir sua meta", diz Elaine. “Também precisa ter ciência dos obstáculos que enfrentará e das recompensas que terá ao alcançar o objetivo. É fundamental entender que os resultados dependerão de suas ações”, explica a coach.

Entre uma sessão e outra, o coachee realiza tarefas comportamentais, que são acordadas com o seu coach. Isso vai permitir experimentar os novos hábitos e as mudanças no dia a dia.

Virou hábito

Para a auxiliar administrativa Yngrid Rodrigues, de 21 anos, o apoio para organizar a rotina foi o que fez a diferença para emagrecer cinco quilos em três meses e fazer mudanças verdadeiras na sua rotina. “Graças ao coaching, eu consegui, finalmente, comer de três em três horas, tirar um tempo para realizar exercícios e até para organizar as marmitas que ia carregar durante o dia”, conta.  

A consultora Juliana Reviere, de 21 anos, eliminou 23 quilos em pouco mais de um ano. “O acompanhamento dá aquela motivação extra para persistir nos objetivos traçados. Antes, eu já havia passado com nutricionistas. Mas a verdade é que não conseguia adaptar as orientações que elas davam à minha rotina”, afirma.

Como escolher um profissional

Os atendimentos podem ser feitos presencialmente ou à distância e há, também, algumas opções de coaching em grupo, para quem procura um preço mais acessível. No entanto, não vale levar em conta apenas o custo na hora de escolher o profissional. “Analise o currículo do coach, a formação acadêmica, a linha de pesquisa e a atuação profissional. Ele deve ter a partir de 40 horas de atendimento para adquirir habilidade na aplicação das técnicas e ferramentas específicas”, diz o master coach Paulo Costa Amaral.

O coaching de emagrecimento não é recomendado para pessoas já diagnosticadas com qualquer tipo de transtorno, seja alimentar -- como anorexia, bulimia etc. -- ou de outra natureza – como os transtornos de humor, a ansiedade generalizada e o pânico. Nesses casos, é preciso buscar auxílio de um profissional com formação específica nas áreas de psiquiatria ou psicologia.

Da mesma forma, o processo não dispensa o acompanhamento de um nutricionista e de um educador físico. “Enxergamos o coaching como um trabalho complementar ao exercido por esses outros profissionais”, diz o coach de emagrecimento Plínio de Souza, da Ápice Desenvolvimento Humano.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

BBC
do UOL
Redação
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo