Boa forma

Canadense mostra como perdeu 26 kg e conseguiu um tanquinho de respeito

Reprodução/ Instagram
Imagem: Reprodução/ Instagram

Do UOL, em São Paulo

07/09/2017 13h16

Quando você vê uma foto de Marc Madilson no Instagram, nem imagina o quanto ele lutou por esse corpão. O atual personal trainer de Toronto, no Canadá, não dava atenção para os esportes e pouco a pouco o ponteiro da balança foi subindo e até chegar nos 118 kg.

Ele comia hambúrgueres gordurosos e frango a passarinho tarde da noite, além de cair de boca nos donuts o dia todo sem se preocupar com a saúde.

Madilson só notou que estava fora de forma no fim de 2011, quando um amigo sem querer tirou uma foto em que ele aparecia sem camisa. Seu susto foi tão grande que ele se comprometeu a mudar sua rotina drasticamente.

 

Uma publicação compartilhada por Marc Madilson (@marcmadilson)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

em

No início de 2012, ele começou a malhar cinco dias por semana. Focava em fazer cinco exercícios, cada um com quatro séries e 15 repetições. Os treinos contavam com agachamentos, levantamentos com halteres e barra fixa. Para a parte aeróbica, ele começou a andar em uma rampa íngreme quase todos os dias.

Acostumado com a academia, aí ele investiu na dieta. Deixou os alimentos processados e cheios de açúcar de lado e assistiu muitos tutoriais de receitas para fazer pratos saudáveis e balanceados.

Após três meses de treino e malhação, os resultados apareceram. “Meus amigos ficaram chocados. Eles não podiam acreditar no que fiz em apenas alguns meses”, contou durante entrevista para revista americana "Men’s Health".

“Me apaixonei por toda a informação que encontrava sobre vida saudável”, completou. Foi com essa paixão que ele resolver fazer aulas de nutrição e cinesiologia (análise dos movimentos do corpo humano) para se tornar um profissional na área.

 

Uma publicação compartilhada por Marc Madilson (@marcmadilson)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

em

Hoje em dia, ele pesa cerca de 92 kg e ama seu físico. O personal parou de ingerir bebidas alcoólicas e também se tornou vegano. Agora, ele incorpora nos treinamentos intervalos de alta intensidade, principalmente tiros na esteira. E corre cerca de 48 km por semana.

“Mesmo se tiver só 30 minutos, vou escolher cinco exercícios como agachamentos, flexões e prancha lateral, e vou fazer o maior número de repetições possíveis até o tempo acabar.”

Ele incentiva seus alunos dizendo que nunca é tarde para mudar de vida. “Nós só temos uma oportunidade nesta vida, então por que não tornar esse corpo a melhor versão possível? ”, disse para revista americana.

 

Uma publicação compartilhada por Marc Madilson (@marcmadilson)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

em

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Especiais
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Topo