Vida saudável

Como suas fezes podem dizer se você consegue perder peso mais fácil

iStock
Imagem: iStock

Do UOL

12/09/2017 12h19

Algo tão simples quanto uma amostra de suas fezes pode revelar se você pode perder peso ao seguir uma dieta caracterizada pelo alto conteúdo de frutas, vegetais, fibras e grãos integrais. A descoberta é de um novo estudo conduzido pelo Departamento de Nutrição, Exercício e Esportes da Universidade de Copenhague, na Dinamarca.

As bactérias que temos em nosso intestino podem desempenhar um papel decisivo na nutrição personalizada e no desenvolvimento da obesidade. “As bactérias do intestino humano foram relacionadas a uma prevalência crescente de sobrepeso e obesidade, e os cientistas começaram a investigar se elas podem desempenhar um papel no tratamento do sobrepeso. Mas somente agora que foi demonstrada uma certa espécie de bactéria que tem essa função de regular o peso e a perda dele”, disse Arne Astrup, diretor do Departamento da Universidade.

iStock
No geral, aproximadamente 50% da população tem uma alta proporção de Prevotella, bactéria relacionada à perda de peso Imagem: iStock

Altas proporções da bactéria Prevotella estão ligadas à perda de peso

No estudo, os pesquisadores analisaram 54 voluntários enquanto faziam dieta. Para o experimento, 23 deles seguiram o plano alimentar mais comum, recomendado pelas organizações governamentais, repleto de frutas, vegetais, fibras e grãos integrais. Eles perderam cerca de 1,7 kg. O outro grupo, de 31 pessoas, seguiu a Dieta Nórdica, que prega o consumo de grãos, peixe e produtos orgânicos e sem agrotóxicos (verduras, legumes e frutas, principalmente vermelhas). Essas pessoas perderam 3,5 kg.

Os cientistas dividiram os voluntários pelo nível de bactérias intestinais e descobriram que as pessoas com maior proporção de uma bactéria chamada Prevotella perderam mais 3,5 kg em 26 semanas ao fazerem uma Dieta Nórdica. Contudo, as que seguiram essa mesma dieta, mas tinham maiores quantidades da bactéria Bacteroides não perderam nenhum peso adicional. No geral, aproximadamente 50% da população tem uma alta proporção de Prevotella em relação à Bacteroides.

“O estudo mostra que somente metade da população irá perder peso se ela comer de acordo com o que é recomendado pelas organizações. A outra metade não parece ganhar nenhum benefício no peso com essa dieta”, disse Mads Fiil Hjorth, professor assistente na Universidade. “Essas pessoas deviam focar em outras dietas e no exercício físico até acharem uma estratégia que funcione especificamente para elas.”

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog do Prem Baba
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Agência Estado
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
do UOL
Agência Estado
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
Blog do Prem Baba
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
UOL Entretenimento
Topo