Vida saudável

Praticar exercícios em grupo é melhor para a saúde do que treinar sozinho

iStock
Imagem: iStock

DO UOL

05/11/2017 11h15

Todo mundo já sabe que ter um companheiro de treino dá mais motivação e inspiração, mas os benefícios não param por aí. Uma nova pesquisa descobriu que se exercitar com outras pessoas está relacionado a baixos níveis de estresse e a uma melhor qualidade de vida.

Tem alguma dúvida sobre a saúde do seu corpo? Mande sua pergunta para o e-mail pergunteaovivabem@uol.com.br que nós encontraremos os melhores especialistas para respondê-la.

Realizado pela Universidade da Nova Inglaterra, na Austrália, o estudo pediu para que 69 estudantes se dividissem em três grupos: um fitness, um de saúde e outro de controle, que não realizou nenhum exercício regular que não fosse caminhar ou andar de bicicleta.

O primeiro grupo fez uma aula de HIIT (High-Intensity Interval Training, treino intervalado de alta intensidade, no português) por semana com diversas outras pessoas, enquanto o segundo fez atividades como levantar peso ou correr, sozinho ou com, no máximo, mais duas pessoas.

A cada duas semanas, os voluntários anotavam quais eram suas sensações de estresse e qualidade de vida mental, física e emocional. Ao final do estudo, após 12 semanas, os cientistas descobriram que o primeiro grupo, que suou em conjunto, teve mais pontos nas sensações positivas, melhorando a saúde mental, física e emocional e diminuindo o nível de estresse em 26%.

iStock
Vale a pena considerar participar de uma aula de fitness --especialmente aqueles que acham difícil se motivar a ir à academia por conta própria Imagem: iStock

É possível que só o hábito de socializar com outras pessoas, ao invés de se exercitar sozinho, cause esses benefícios, segundo os pesquisadores. Eles também levantaram a hipótese de que aulas com música e exercícios variados também divertem mais os alunos do que rotinas de treino.

De acordo com os cientistas, reunir-se com outros para praticar atividade física poderia ser uma maneira de lidar com ambientes estressantes de alta pressão --como estudar para um diploma de medicina.

"Os benefícios de se juntar aos amigos e colegas e fazer algo difícil, enquanto um encoraja o outro, superam os de se exercitar sozinho", diz a autora do estudo Dayna Yorks. A pesquisadora ainda acredita que esse pode ser um meio para desestressar universitários: "As descobertas sustentam o conceito de uma abordagem mental, física e emocional da saúde que é necessária para estudantes."

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Luiz Sperry
Cintia Cercato
Blog Bella Falconi
Blog do Prem Baba
do UOL
BBC
BBC
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
Agência Estado
Agência Estado
Agência Estado
do UOL
do UOL
do UOL
Blog Nutrição sem neura
do UOL
do UOL
do UOL
Blog da Adriana Vilarinho
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
do UOL
Estilo
BBC
do UOL
BBC
do UOL
do UOL
BBC
Blog do Prem Baba
Blog Luiz Sperry
do UOL
do UOL
do UOL
BBC
BBC
Topo