Vida saudável

10 alimentos saudáveis que vão além da fruta para comer à tarde

iStock

Bárbara Stefanelli

Do UOL

O lanchinho da tarde é essencial, tanto para diminuir a fome no jantar quanto para estimular o metabolismo --se engana quem pensa que ficar horas sem comer ajuda emagrecer. No entanto, na hora de escolher estes alimentos, é necessário se policiar, caso a intenção seja manter a forma.

"É importante fazer um lanche que seja equilibrado entre todos os grupos alimentares. Isso evita uma maior fome e descontrole na próxima refeição, além de garantir o rendimento no trabalho e nas atividades diárias”, explica a nutricionista Lara Natacci, da SBAN (Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição).

Portanto, ao fazer essa “boquinha”, selecione alimentos que sejam fonte de proteína, carboidrato e vitaminas e minerais. Na lista abaixo, além de você ler a quantidade recomendada de cada sugestão, também está descrito qual é a principal fonte do alimento. O ideal é que você selecione um item de cada grupo.

Consultoria: nutricionistas Lara Natacci, Paula Castilho e Priscila Marques.

Veja as sugestões

  • iStock

    Barrinha de cereal

    Esse é um alimento que se adaptou muito bem à correria do dia a dia. No entanto, é preciso ter cuidado ao escolher, pois como qualquer outra fonte de energia, a barra tem que ser consumida com moderação, pois a composição nutricional depende muito de cada produto, clique no "leia mais" e aprenda a escolher a opção mais saudável. Sugestão de consumo: uma unidade. Fonte de carboidrato. Leia mais

    Imagem: iStock

  • iStock

    Cenoura baby ou tomate cereja

    Esses alimentos são fontes de fibras, de antioxidantes --que ajudam no combate ao envelhecimento das células-- e de nutrientes. Ainda são baixíssimos em calorias. Caso queira incrementar, basta um fio de azeite e um pouco de sal. Sugestão de consumo: um pires. Fonte de vitaminas, minerais e fibras.

    Imagem: iStock

  • iStock

    Coco seco

    Opção de gordura "boa" e que proporciona saciedade, por também ser rica em fibras. Sugestão de consumo: três pedaços médios. Fonte de vitaminas, minerais e fibras.

    Imagem: iStock

  • iStock

    Cookie integral

    Rico em fibras e proteínas, normalmente inclui ingredientes benéficos à saúde, como gergelim, fibra de beterraba, óleo de girassol e linhaça. Sugestão de consumo: de três a quatro unidades. Fonte de carboidrato.

    Imagem: iStock

  • iStock

    Frutas desidratadas

    A praticidade e o alto valor nutritivo fazem delas uma opção de alimentação saudável. Mesmo com a secagem, elas ainda contêm quase todas as propriedades da fruta, com exceção da vitamina C e do complexo B que se perdem no processo. Sugestão de consumo: uma colher de sopa. Fonte de vitaminas, minerais e fibras.

    Imagem: iStock

  • iStock

    Iogurte

    Importante fonte de proteína, cálcio, zinco, vitamina A e vitaminas do complexo B. Contribuem para a construção, reparação e renovação dos tecidos do corpo, incluindo pele, unhas e cabelos; para a formação e manutenção dos ossos e para a produção de energia. Mas é preciso ficar atento à tabela nutricional e escolher as opções mais saudáveis. Sugestão de consumo: um pote de cerca de 150 calorias. Fonte de proteína.

    Imagem: iStock

  • iStock

    Oleaginosas

    São fontes de gorduras saudáveis, que auxiliam no controle do colesterol sanguíneo e da pressão arterial, diminuindo o risco de doenças cardiovasculares. O consumo de gordura boa ainda aumenta a saciedade. Sugestão de consumo: um punhado. Fonte de proteína.

    Imagem: iStock

  • iStock

    Ovos de codorna

    Essa é uma boa opção proteica de lanche da tarde, aumentando, assim, a saciedade e gerando menos compulsão à noite. Basta um fio de azeite e uma pitada de sal e pronto. Sugestão de consumo: de quatro a cinco unidades. Fonte de proteína.

    Imagem: iStock

  • iStock

    Pipoca

    Rica em fibras, também proporciona saciedade. Só abra mão da manteiga e de muito sal. Sugestão de consumo: uma xícara de chá já estourada. Fonte de carboidrato.

    Imagem: iStock

  • iStock

    Sementes de abóbora

    Ricas em proteínas e vitamina E, também são potentes antioxidantes. Uma boa dica seria comer um tipo de fruta junto das sementes, para ter, assim, um lanche completo e evitando o pico de açúcar que as frutas trazem. Esses picos pela tarde proporcionam mais fome à noite. Sugestão de consumo: uma colher de sopa. Fonte de vitaminas, minerais e fibras.

    Imagem: iStock

Topo