Gestação

Mãe de aluguel dá à luz 2 bebês, um seu e outro do casal que a contratou

Getty Images
Engravidar estando grávida é um fenômeno raro chamado superfetação Imagem: Getty Images

Do UOL

28/10/2017 11h52

Jessica Allen, 31, vive na Califórnia, nos Estados Unidos, onde ser barriga de aluguel pode ser uma atividade remunerada. Ela, que é mãe de duas crianças, resolveu aceitar US$ 35 mil (mais de R$ 100 mil) para gerar o filho de um casal desconhecido. O objetivo era investir o dinheiro em uma casa para ela, o marido, Wardell Jasper, 34, e os filhos.

Leia também:

Após 15 anos, mulher supera preconceito e engravida com óvulo doado

Mulheres contam como a episiotomia prejudicou (ou arruinou) a vida sexual

O médico me disse: Gorda assim pode trepar à vontade que não vai engravidar

Tudo estava certo até que ela descobriu que um dos dois bebês que havia gerado era, de fato, seu filho biológico. Fato possível graças a um evento raro na medicina que se chama superfetação. Trata-se da concepção de um segundo feto quando já está em andamento a gestação, quer dizer, uma gravidez sobre a outra.

Segundo o jornal “Independent”, que publicou a história, a descoberta só foi possível porque Jessica recebeu, um mês após o parto, uma foto dos dois bebês, enviada pela mulher que a contratou, perguntando o porquê de as crianças serem tão diferentes entre si.

Desconfiadas, elas aceitaram submeter os bebês a um teste de DNA. O exame constatou que um era filho biológico do casal que contratou Jessica, mas o outro era da própria barriga de aluguel.

Uma batalha judicial iniciou-se entre os envolvidos. O casal não queria ficar com o bebê de Jessica, mas exigiu que ela pagasse uma indenização. A batalha judicial, que começou no início de 2017, chegou a um final feliz. Jessica e o marido receberam a guarda do filho, e o pedido de compensação financeira acabou sendo retirado.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário do UOL. É grátis!

do UOL
Blog Lado B
do UOL
Blog Lado B
Blog Lado B
Blog Lado B
Blog Lado B
do UOL
BBC
do UOL
Blog Lado B
do UOL
Blog Lado B
do UOL
do UOL
Blog Lado B
Redação
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Estilo
do UOL
do UOL
do UOL
UOL Especiais
Topo